Jovem com cancro terminal organiza casamento e funeral em simultâneo

O calvário de Geneva Wilson começou há dois anos – quando tinha 24 anos – com o diagnóstico de um cancro da mama extremamente raro.

Jovem com cancro terminal organiza casamento e funeral em simultâneo

O calvário de Geneva Wilson começou há dois anos – quando tinha 24 anos – com o diagnóstico de um cancro da mama extremamente raro.

Geneva Wilson, neozelandesa de 26 anos está a organizar, simultaneamente, casamento e funeral para 2022. A jovem foi diagnosticada aos 24 anos com um cancro agressivo na mama. Geneva venceu a doença por duas vezes e, quando achava que estava livre do tumor maligno, recebeu a devastadora notícia que não desejava: o cancro voltara. Desta vez nos pulmões, causando-lhe dificuldades respiratórias. Os médicos informaram-na de que teria no máximo seis meses de vida e a jovem – já noiva e a preparar o casamento – viu-se a braços com uma nova e dura batalha.

LEIA DEPOIS
Mulher descobre que tem cancro da mama durante visita a museu

«O mais provável é o dinheiro ir para o meu funeral»

A irmã de Geneva, Emily, iniciou uma página de angariação de fundos, os quais serão usados para pagar os custos da imunoterapia que poderá prolongar a vida de Geneva. Em pouco mais de um mês foram feitas doações no valor de 60 mil euros, estando o objetivo (90 mil) próximo de ser alcançado. A verdade é que a esperança da jovem é pouca. “Como estão as coisas, o mais provável é o dinheiro ir para o meu funeral e não para tratamento. Não quero deixar preocupações à minha família”, revela. A par da organização destes dois eventos, Geneva quer ser também uma voz ativa na luta contra a doença, pedindo às mulheres que estejam atentas aos sinais que possam surgir.

LEIA AINDA
Jovem com cancro terminal após médico culpar farda do IKEA pelos sintomas
Cancro da mama | Especialista responde às questões que as mulheres mais temem

Impala Instagram


RELACIONADOS