Cabo-verdiano que atacou namorada com ácido tem redução de pena

Indivíduo de nacionalidade cabo-verdiana foi, inicialmente, condenado a 18 anos por ter atacado a namorada italiana com ácido, mas agora obteve redução de pena.

O cabo-verdiano que atacou namorada com ácido obteve uma redução da pena. O indivíduo foi, inicialmente, condenado a 18 anos. O advogado do agressor recorreu da sentença e viu o castigo reduzido para 15 anos de prisão. Uma decisão que revoltou a vítima, a italiana modelo e apresentadora de TV Gessica Notaro, e a população.

LEIA MAIS: Pais de Maddie consideram nova pista «um insulto» e «rídicula»

Gessica Notaro era uma apresentadora e ex-miss muito acarinhada em Itália quando Jorge Edson Tavares lhe arruinou a vida. O homem, de 30 anos, decidiu vingar-se quando a modelo, de 29, deu por terminado o namoro. Conhecendo a rotina da ex-companheira, escondeu-se atrás de um carro e esperou que Gessica passasse para lhe lançar uma garrafa cheia de ácido.

Ameaças do cidadão cabo-verdiano à ex-namorada eram do conhecimento da Polícia

O ataque surgiu após meses de ameaças e de perseguições, que eram do conhecimento da Polícia italiana. A jovem conheceu o agressor três anos antes do ataque, quando ambos trabalhavam num aquário de golfinhos, onde a jovem era treinadora. Gessica Notaro sofreu lesões graves no rosto, tendo deixado o mundo da televisão. Fez várias cirurgias reconstrutivas e perdeu um olho. Apesar de se ter submetido a vários tratamentos, o rosto da antiga apresentadora sofreu danos irreversíveis.

LEIA MAIS: Eutanásia – Jovem mostra sofrimento e pede para morrer «com dignidade»

O advogado da ex-miss pediu ao tribunal a manutenção da pena inicial, o que não se verificou. «A minha cliente está satisfeita do ponto de vista humano, mas não do ponto de vista judicial», disse aos jornalistas à saída do tribunal. Foi o testemunho da vítima que esteve na origem da redução da pena. A jovem afirmou que o ex-namorado era «boa pessoa» e que nunca a tinha tratado mal, enquanto namoraram. O advogado de defesa aproveitou as palavras da ex-miss para alegar que o ataque «surgiu no decorrer de uma depressão» e de «surto psicótico».

LEIA MAIS: Menina raptada e abusada por homem que conheceu em jogo online

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS