Enfermeira adota gémeos com doença rara abandonados no hospital

Bebés foram abandonados no hospital após terem nascido com uma rara doença genética

Enfermeira adota gémeos com doença rara abandonados no hospital

Enfermeira adota gémeos com doença rara abandonados no hospital

Bebés foram abandonados no hospital após terem nascido com uma rara doença genética

Linda Pfeiffer, enfermeira nos Estados Unidos, decidiu adotar dois bebés gémeos, após estes serem abandonados no hospital onde trabalha. Os meninos, Matthew e Marshall, nasceram com uma rara doença genética.

LEIA DEPOIS
Instrução do processo de Rui Pinto arranca hoje. Saiba quais os crimes de que é acusado

A situação das crianças sensibilizou a enfermeira, que se candidatou para a adoção. Entrevistada por um assistente social, a enfermeira revelou que não queria separar os irmãos e por isso queria adotar os dois.

«Quando os vi pela primeira vez, achei-os as crianças mais adoráveis. Tinham aquelas cabeças grandes e corpos pequenos, pesavam apenas 3,6 kg cada um. Tinham o tamanho de um recém-nascido, mas boa parte do peso estava nas suas cabeças. Apaixonei-me por eles assim que os vi, sabia no meu coração que eles eram os meus meninos», disse, em entrevista ao jornal New York Post.

Enfermeira: «Consigo cuidar deles com mais facilidade»

A enfermeira refere que os conhecimentos adquiridos na sua profissão fazem com que consiga prestar um melhor atendimento às necessidades dos bebés.

«A condição deles faz com que pais, que não têm uma formação como a minha, tenham maior dificuldade. Por causa da minha formação, consigo cuidar deles sem maiores problemas», explica. Linda Pfeiffer tem três filhos biológicos e três netos e foi criticada por amigos por decidir adotar as crianças.

«Os meus amigos e familiares dizem que eu devia pensar em reformar-me e descansar, mas eu quero ficar com os meninos e dar-lhes qualidade de vida».

LEIA MAIS
Previsão do tempo para esta quinta-feira, 19 de dezembro

Impala Instagram


RELACIONADOS