Emigrante português que ajudava mendigos assassinado na África do Sul

Emigrante português assassinado na África do Sul quando julgava estar a prestar apoio a uma dupla de pedintes. O idoso, de 83 anos, foi espancado até à morte.

Emigrante português que ajudava mendigos assassinado na África do Sul

Emigrante português que ajudava mendigos assassinado na África do Sul

Emigrante português assassinado na África do Sul quando julgava estar a prestar apoio a uma dupla de pedintes. O idoso, de 83 anos, foi espancado até à morte.

Luís Pereira, emigrante português de 83 anos, foi assassinado em casa, em Little Falls, Roodepoort, África do Sul. De acordo relado ao JM do neto da vítima, Kim Pereira Dodd, os avós viviam sozinhos. «Abriram as portas de casa a dois pedintes que pediam comida», conta. Ao entregarem alguns alimentos, foram subjugados pela força. A mulher conseguiu fugir, sendo encontrada inconsciente no jardim.

LEIA DEPOIS
Ladrões apanhados em quarto de hotel traídos pelo GPS do telemóvel

Mulher do emigrante encontra-se internada nos Cuidados Intensivos

No interior da residência, os assaltantes «espancaram até à morte com requintes de malvadez» o octogenário português, cujos descendentes nasceram na África do Sul, revelou Kim Pereira Dood. Apercebendo-se dos distúrbios, os vizinhos do casal idoso alertaram as forças de segurança, que já nada puderam fazer para salvar a vida a Luís Pereira. A mulher continua internada numa unidade hospitalar na Unidade de Cuidados Intensivos, a aproximadamente 24 quilómetros de Joanesburgo. Um dos assassinos foi entretanto detido pela Polícia sul-africana.

Imagem ilustrativa Unsplash

LEIA AGORA
Discussão conjugal leva mulher da Figueira da Foz a tentar atear fogo ao marido

Impala Instagram


RELACIONADOS