7 mitos urbanos que resistem ao passar do tempo

Todas as culturas têm as suas lendas e mitos urbanos. Apesar de muitas serem falsas, a verdade é que continuam a ser contadas e a deixar muitos amedrontados.

7 mitos urbanos que resistem ao passar do tempo

Todas as culturas têm as suas lendas e mitos urbanos. Apesar de muitas serem falsas, a verdade é que continuam a ser contadas e a deixar muitos amedrontados.

Os mitos e lendas urbanas existem em quase todas as culturas do mundo. Muitas até já foram negadas e totalmente desmistificadas mas, ainda assim, continuam a fazer parte do nosso imaginário e a ser contadas regularmente. Alguns dos mitos são versões falsas baseadas em factos reais e outras ainda hoje nos fazem calafrios na espinha. Há até uma que tem a sua própria versão portuguesa.

LEIA DEPOIS
Recebeu uma multa? Agora já pode tentar evitar pagar

Eis a lista dos 7 mitos que resistem ao tempo

1. Homem do saco

Contada pelos pais que queriam que os filhos se portassem bem ou que fossem para a cama sem uma choradeira de horas. O mito afirmava que as crianças que não obedeciam aos pais eram levadas, durante a noite, por um homem misterioso que as levava num saco.

2. Gangue do palhaço

Os palhaços podem ser muito, muito assustadores. Recentemente até foram a personagem principal de um filme de terror em Hollywood. Mas também fora do ecrã existem histórias aterradores, com o aparecimento de um gangue de palhaços que atacava e raptava crianças.

3. Dente dissolvido

A Coca-Cola é uma das marcas mais conhecidas do mundo e existem imensos mitos com a bebida. Uma das lendas – entretanto já desmistificada – contava que ao deixar um dente dentro de um copo com o refrigerante, no dia seguinte, o mesmo teria sido dissolvido.

4. Enterrado vivo

Pode não saber mas, durante um longo período, sinos eram colocados ao lado de caixões para permitir que pessoas que fossem enterradas vivas conseguissem pedir ajuda. Apesar de ter contornos verídicos, há muitas histórias sobre mortos-vivos que não passam de mitos.

5. Roubo de rins

Uma lenda que ficou imoralizada na world wide web. Segundo o mito urbano, as vítimas eram abordadas no bar por homens dispostos a pagar bebidas. No caso da vítima aceitar, acabaria por ser drogada e acordaria horas de pois, numa banheira cheia de gelo. Durante o sono, o criminoso teria roubado um dos seus rins e deixado apenas um telefone para a vítima pedir ajuda

6. Bloody Mary

Um dos mitos mais famosos do mundo e que até tem uma bebida com o mesmo nome. A lenda de Bloody Mary, em português Maria Sangrenta, diz que se no escuro disser por três vezes o seu nome a ‘Maria’ irá aparecer por detrás do vidro. O mito teve origem na história de Mary Worth, condenada à morte por, supostamente, ser uma bruxa.

7. Noiva na estrada

Um história que até tem uma versão portuguesa. A lenda afirmava que em determinadas noites uma jovem vestida de noiva poderia ser vista à beira da estrada. A noiva estaria prestes a casar-se quando sofreu um acidente e, com assuntos por terminar no ‘mundo’, não conseguiu passar para o mundo dos mortos. Em Portugal, existe um mito sobre uma jovem que teria morrido na estrada em Sintra; esta lenda foi até inspiração para uma curta-metragem.

LEIA MAIS
Tenta abastecer o carro eléctrico e provoca gargalhadas [vídeo]
Mulher atacada em bar por dois homens [vídeo]

Impala Instagram


RELACIONADOS