Irmãos lutam contra o cancro e mostram fotografia de «último abraço»

Veja o «último abraço» dos irmãos de 5 e 14 anos que está a emocionar o Mundo.

Irmãos lutam contra o cancro e mostram fotografia de «último abraço»

Veja o «último abraço» dos irmãos de 5 e 14 anos que está a emocionar o Mundo.

A fotografia de dois irmãos, com 5 e 14 anos, abraçados está a tornar-se viral nas redes sociais. Apesar de ser uma imagem trágica sobre a história de uma família, o «último abraço» está a emocionar e a inspirar o mundo. Quem tirou a foto foi a mãe das crianças que achou que aquele poderia ser o «último abraço» dos filhos. Após a publicação da imagem nas redes sociais foi uma questão de tempo para a fotografia torna-se viral. «Esta foi a fotografia mais triste que tirei. Fez-me doer os olhos e o coração. Estou destroçada. Toda a nossa família está destroçada. Não é a vida que imaginei para eles, mas é a que tenho e vou caminhar ao lado dos meus filhos em casa passo deste caminho. Tu e a tua irmã abraçaram-se com tanta força. Agora somos nós a agarrar-vos aos dois», escreveu a mãe Liliane Randell.

LEIA DEPOIS
Bruxa condenada por convencer através de feitiçaria ex-polícia a matar

Sophia, de cinco anos, e Jacob Randell, de 14 anos, são dois irmãos canadianos que lutam desde tenra idade contra o cancro. Naturais do Canadá, ambas as crianças são vítimas de um cancro no cérebro

Jacob, o filho mais velho, foi diagnosticado com um tumor no cérebro com apenas cinco anos. Devido ao cancro, Jacob perdeu a visão num olhos e audição num ouvido na sequência da evolução do cancro. Após 10 meses de tramentos, tumor parecia estar controlado.Quando Sophia nasceu, a família por uma questão de precaução decidiu fazer logo testes à bebé para, se algo estivesse mal com a sua saúde, atuarem o mais rapidamente. Sophia acusou os mesmos marcadores genéticos que o irmão.  Em 2016, a filha mais nova do casal foi diagnosticada com um cancro também no cérebro. No entanto, após várias cirurgias a menina acabou por sobreviver.

Dias após a trágica novidade, os médicos informam que o tumor de Sophia também tinha voltado

Quando Sophia ainda estava internada numa unidade hospitalar descobriram que Jacob estava com um cancro nos rins. Dias após a trágica novidade, os médicos informam que o tumor de Sophia também tinha voltado. Foi nesta altura que as duas crianças se abraçaram e a mãe tirou a fotografia. Entretanto, Jacob e Sophia ainda se encontram a lutar contra os respectivos cancros no Children’s Hospital of Eastern Ontario, em Ottawa.

LEIA MAIS
Rottweiler mata bebé de um ano que passeava com a mãe
Mulher enfurecida salta para tejadilho de carro e tenta destruí-lo [vídeo]

Impala Instagram


RELACIONADOS