Montijo: Guarda prisional apanha reclusos com telemóveis e carregadores no ânus

Os funcionários de segurança da prisão do Montijo sabiam que os reclusos tinham algo dentro do corpo, mas só mais tarde descobriram estes objetos no ânus.

Dois homens detidos por conduzirem com excesso de álcool foram detidos e recambiados para a cadeia do Montijo. Ambos começaram por cumprir pena aos fins de semana nesse estabelecimento prisional e acabaram por serem apanhados a inserir telemóveis no ânus.

LEIA MAIS: Jovem esfaqueado num talho em Cascais

O insólito aconteceu no passado fim de semana pela guarda prisional, conta o jornal Correio da Manhã. À entrada na cadeia, os dois reclusos tinham passado pela vistoria de deteção de metais e havia sinais positivos de objetos dentro dos corpos dos homens.

Com isso, outro detetor da prisão teve de ser utilizado e encontrou um telemóvel e um carregador dentro do ânus de um dos reclusos e um telemóvel no ânus do outro criminoso. Ambos tinham sido detidos por crime de condução taxa-crime de álcool no sangue (mais de 1,2 gramas por litro). O processo judicial sobre este caso foi aberto no imediato para que o tribunal conheça as penas destes reclusos aprisionados no Montijo.

LEIA MAIS: Funcionário da Casa da Moeda roubou 155 mil euros em ouro que escondeu no ânus


RELACIONADOS

Montijo: Guarda prisional apanha reclusos com telemóveis e carregadores no ânus

Os funcionários de segurança da prisão do Montijo sabiam que os reclusos tinham algo dentro do corpo, mas só mais tarde descobriram estes objetos no ânus.