Coronavírus: Número de mortos sobe para 722, ritmo de contágio volta a aumentar

O número de mortos provocado pelo surto do novo coronavírus na China aumentou para 722, registando-se também uma subida de novos casos nos últimos dias. Família britânica infetada em França.

Coronavírus: Número de mortos sobe para 722, ritmo de contágio volta a aumentar

Coronavírus: Número de mortos sobe para 722, ritmo de contágio volta a aumentar

O número de mortos provocado pelo surto do novo coronavírus na China aumentou para 722, registando-se também uma subida de novos casos nos últimos dias. Família britânica infetada em França.

O número de mortos provocado pelo surto do novo coronavírus na China aumentou hoje para 722, anunciou a Comissão Nacional de Saúde chinesa, que registou um aumento de novos casos superior ao que se vinha verificando nos últimos dias. Hoje contam-se mais 3399 casos, enquanto na sexta-feira tinha havido 3143 novas infeções, ao cabo de vários dias em que o número de novos casos tinha vindo a descer.

As autoridades de saúde estão a tratar 6101 pacientes em estado grave e já deram alta a 2050 pessoas que contraíram a pneumonia provocada pelo novo coronavírus, detetado pela primeira vez na cidade chinesa de Wuhan, na província central de Hubei.

LEIA DEPOIS
Alerta | Homem cai ao rio Douro perto da zona da Alfândega

Família britânica está em isolamento em França

Além do território continental da China e das regiões chinesas de Macau e Hong Kong, há outros casos de infeção confirmados em mais de 20 países. Agès Buzyn, o ministro da saúde francês, confirmou este sábado cinco novos casos em França todos pertencentes a uma família britânica. Segundo o jornal Mirror, os doentes  – uma criança e três adultos – foram infetados por o quinto elemento do clã que esteve recentemente em Singapura numa viagem de negócios. Estão em isolamento nos hospitais de Saint-Etienne e Grenoble, em Lyon.

Já são dois os estrangeiros que morrem na China

Um norte-americano morreu devido ao novo coronavírus em Wuhan, cidade chinesa onde começou o surto, anunciou hoje a embaixada dos Estados Unidos, sobre a primeira morte confirmada de um estrangeiro na China. “Podemos confirmar que um cidadão norte-americano, de 60 anos, declarado portador do coronavírus morreu num hospital de Wuhan, dia 6 de fevereiro”, disse um porta-voz da embaixada dos Estados Unidos em Pequim. Entretanto, foi confirmada a morte de um japonês.

LEIA MAIS
João Almeida e a paralisia do Estado
Funchal | Homem cria perfil falso na Internet e viola menina de 11 anos

Impala Instagram


RELACIONADOS