Os 4 principais problemas relacionados com o sono e como tratá-los

Dificuldades para adormecer? Provavelmente sofre de uma doença relacionada com o sono. Saiba como identificá-las e curá-las.

Os 4 principais problemas relacionados com o sono e como tratá-los

Os 4 principais problemas relacionados com o sono e como tratá-los

Dificuldades para adormecer? Provavelmente sofre de uma doença relacionada com o sono. Saiba como identificá-las e curá-las.

Lembra-se da última vez que teve uma noite de sono profundo? Em que dormiu as horas necessárias para que o seu corpo tenha a energia necessária para enfrentar o resto do dia? Se não, deve ficar preocupado. Contudo, se servir de consolo, saiba que esse é um problema que afeta muitas pessoas. E não falamos apenas de insónias. Um estudo promovido pelo Sistema de Saúde Pública Britânico – nomeado pelo nosso site Para Eles – apurou quem cerca de 72% da população britânica sofre de alguma doença relacionada ao sono. O mesmo documento aponta que cerca de metade da população sofre de insónias. Mais preocupante ainda são os 69% que sofrem de apneia do sono, uma condição que provoca paragens na respiração por cerca de 20 segundos.

LEIA DEPOIS
O lado negro da fama

Esta investigação do Sistema de Saúde Pública Britânico apurou quais os quatro principais problemas relacionados com o sono. Além disso, demonstrou como identificar da melhor maneira estas mesmas condições e, mais importante ainda, como devem ser tratadas.Os 4 principais problemas relacionados com o sono. Insónia. É o distúrbio do sono mais comum. A pessoa com esta condição tem dificuldades em adormecer e a manter o sono durante toda a noite. É um problema que pode ser ocasional e que varia de pessoa para pessoa. Pode ter uma circunstância um período de ansiedade antes de um compromisso importante, problemas clínicos (como febre ou gripe) e problemas emocionais passageiros.

Técnicas de relaxamento e higiene do sono

Pode também ser um problema crónico. Os sintomas são estão o cansaço extremo, falta de concentração, irritabilidade e dor de cabeça e no corpo. O tratamento envolve principalmente terapias como técnicas de relaxamento e higiene do sono. Em situações mais extremas, podem ser prescritos antidepressivos. Apneia Obstrutiva do Sono. É um distúrbio causado por uma obstrução do fluxo de ar na garganta, provocando paradas respiratórias durante o sono. Em geral, quem tem o problema não sabe que sofre essa condição, pois as paradas nem sempre são suficientes para fazer a pessoa acordar. Os sintomas são ronco, cansaço e sonolência durante o dia. O tratamento é feito com um aparelho chamado CPAP, que envia um fluxo de ar para as vias respiratórias. Em determinados casos, a cirurgia é aconselhável.

As insónias são o distúrbio do sono mais comum

Síndrome das pernas inquietas. O nome diz tudo. Este distúrbio caracteriza-se pela ação involuntária das pernas. Quem sofre deste distúrbio sente muito desconforto, que apenas é aliviado com o movimento das pernas. A prática de exercício físico ajuda a tratar o problema. Bruxismo. Síndrome que se caracteriza pelo apertar e ranger dos dentes, sendo que pode também ocorrer durante o dia. É associado ao stress, ansiedad ee problemas na articulação da mandíbula. Os sintomas, em geral, são dor na mandíbula e de cabeça. O problema pode ser debelado com uma placa dentária própria para o efeito.

LEIA MAIS
Previsão do tempo para quarta-feira, 6 de novembro
DGS lança campanha para incentivar consumo de fruta, hortícolas, leguminosas e água

Impala Instagram


RELACIONADOS