Padre julgado por desviar 549 mil euros de duas paróquias

António Teixeira foi padre em Santo Condestável (Lisboa) e Carcavelos (Cascais) e foi próximo de Marcelo Rebelo de Sousa.

Padre julgado por desviar 549 mil euros de duas paróquias

Padre julgado por desviar 549 mil euros de duas paróquias

António Teixeira foi padre em Santo Condestável (Lisboa) e Carcavelos (Cascais) e foi próximo de Marcelo Rebelo de Sousa.

Começa a ser julgado no próximo dia 2 de junho, no Juízo Central Criminal, em Lisboa, o padre António Teixeira que está acusado do desaparecimento de obras de arca sacra e do desvio de 549 mil euros das suas paróquias. De acordo com o Correio da Manhã, o pároco será julgado pela alegada prática dos crimes de abuso de confiança e furto qualificado.

LEIA DEPOIS
Meteorologia: Previsão do tempo para quinta-feira

António Teixeira foi padre em Santo Condestável (Lisboa) e Carcavelos (Cascais) e foi próximo de Marcelo Rebelo de Sousa. O Presidente da República, que escreveu o prefácio o livro ‘Palavras da Palavra’ escrito pelo pároco, ficou chocado quando soube das primeiras suspeitas do envolvimento do padre neste esquema.

Padre «não tem hoje a responsabilidade de qualquer paróquia»

Segundo a mesma publicação, a investigação ao sacerdote começou há mais de três anos, depois de ter sido apresentada uma queixa após terem desaparecido bens da Igreja de Campo de Ourique. Entre as peças está um cálice de safiras, rubis e esmeraldas, do século XVIII. «Se forem provadas as acusações, será elaborado o processo canónico para aplicar as sanções previstas no código de direito canónico», referiu o Patriarcado. O padre António Teixeira «não tem hoje a responsabilidade de qualquer paróquia, mas não está proibido de celebrar missas», disse fonte ao Correio da Manhã.

De acordo com a acusação do Ministério Público, o padre utilizou 258 mil euros da paróquia de Carcavelos e 291 mil euro da de Santo Condestável. O pároco deixou de exercer quaisquer funções em Carcavelos, em 2015, e em Lisboa, em 2017.

LEIA MAIS
Tiroteios na Alemanha fazem vários mortos. Suspeito foi encontrado morto

 

Impala Instagram


RELACIONADOS