Mulher perdida no mar sobrevive a comer apenas doces

Kushila Stein, de 45 anos, sobreviveu a comer doces e aqueceu-se com sacos de plástico.

Mulher perdida no mar sobrevive a comer apenas doces

Mulher perdida no mar sobrevive a comer apenas doces

Kushila Stein, de 45 anos, sobreviveu a comer doces e aqueceu-se com sacos de plástico.

Turista sobreviveu durante dois dias à deriva no mar num barco perto da Grécia, de acordo com a BBC, a comer doces.

LEIA DEPOIS
Mais de 2,6 milhões portugueses estão emigrados

Kushila Stein, de 45 anos, da Nova Zelândia, foi resgatada do Mar Egeu, ao norte de Creta, no domingo, 5 de novembro. Durante 37 horas, a mulher tinha apenas um «punho de doces cozidos» e enrolou-se em sacos plásticos para se aquecer. A marinheira experiente terá colocado uma mochila vermelha na cabeça e usou um espelho para atrair a atenção, avançam os relatórios.

A Guarda Costeira Grega encontrou a sobrevivente a 101 quilómetros a norte de Creta, a maior ilha da Grécia.

Ventos fortes empurraram turista para o mar

A sobrevivente, que se dirigia para Atenas, decidiu ir passear sozinha num barco até Folegrandos, afirmou a mãe. Quando regressava ao iate, um dos remos caiu ao mar e os ventos fortes empurraram-na para o mar. O desaparecimento da mulher foi relatado pelo proprietário do iate, quando reparou que esta não aparecia.

A operação de busca e salvamento envolveu seis embarcações , um helicóptero e um drone subaquático.

LEIA MAIS
Previsão do tempo para quarta-feira, 6 de novembro

Impala Instagram


RELACIONADOS