Jovem assassinada após entrar em carro que achava ser da Uber

O caso deu-se na Carolina do Sul. A estudante confundiu um carro particular com um veículo da Uber que tinha chamado

Jovem assassinada após entrar em carro que achava ser da Uber

O caso deu-se na Carolina do Sul. A estudante confundiu um carro particular com um veículo da Uber que tinha chamado

Samantha Josephson, de 21 anos, foi assassinada na passada quinta-feira, dia 28 de março, após ter entrado num carro particular por engano. A jovem achou que a viatura tratava-se de um veículo da Uber que tinha acabado de chamar para a vir buscar.

A estudante da Universidade da Carolina do Sul foi dada como desaparecida na manhã seguinte por uma colega de quarto. A jovem disse as autoridades que ambas tinham estado numa festa e que voltaram de formas diferentes. A colega estranhou a amiga não estar em casa no dia seguinte. O corpo de Samantha acabou por ser encontrado na noite de sexta-feira.

Nathaniel David Rowland, de 24 anos, foi detido no sábado e é o principal suspeito pela morte da estudante norte-americana. «Acreditamos que ela se enganou e entrou neste carro a pensar que era o Uber», explica Skip Holbrook, porta-voz da polícia de Columbia.

O alegado homicida terá fugido do carro quando foi abordado pelas autoridades, antes de ter sido detido. As forças policiais encontraram manchas de sangue, o telemóvel da vítima e produtos de limpeza no veículo do suspeito.

«É com enorme tristeza e com o coração partido que faço este post. Irei ter saudades e amar a minha menina para o resto da vida. A Samanta já não está na nossa companhia, mas nunca será esquecida», escreveu o pai da jovem nas redes sociais. O funeral da estudante vai realizar-se na próxima quarta-feira.

LEIA MAIS

Previsão do tempo | Chuva e vento marcam esta terça-feira

Músico assassinado em tiroteio em Los Angeles

Impala Instagram


RELACIONADOS