Família de portuguesa atropelada em Inglaterra pede ajuda para transladação do corpo

A família de Rita Magni, a portuguesa atropelada mortalmente a 4 de outubro em Inglaterra, quando esperava os dois filhos junto à escola, recorreu às redes sociais para lançar um peditório para reunir os 8.132,90 € necessários para a trasladação do corpo.

Família de portuguesa atropelada em Inglaterra pede ajuda para transladação do corpo

Família de portuguesa atropelada em Inglaterra pede ajuda para transladação do corpo

A família de Rita Magni, a portuguesa atropelada mortalmente a 4 de outubro em Inglaterra, quando esperava os dois filhos junto à escola, recorreu às redes sociais para lançar um peditório para reunir os 8.132,90 € necessários para a trasladação do corpo.

A família de Rita Magni, a portuguesa atropelada mortalmente a 4 de outubro em Inglaterra, quando esperava os dois filhos junto à escola, recorreu às redes sociais para lançar um peditório para reunir os 8.132,90 € necessários para a trasladação do corpo para Lisboa. O prazo termina já nesta sexta-feira (amanhã). “A Rita foi atropelada por uma viatura no qual estavam dois portugueses, no qual aguardam julgamento em liberdade. A Rita tinha uma passagem comprada para regressar ao seu País no dia 8-10-2021 no qual infelizmente não o conseguiu fazer como tanto queria. O Estado não ajuda com as despesas, os custos são muito altos e infelizmente a família não o consegue fazer”, começa por dizer Telma Magni.

«Temos o direito de ter o último adeus»

“Todos nós merecemos despedir-nos de alguém que nos pertence, de alguém que não podemos ver pela última vez antes da vida terminar. Todos nós temos o direito de ter o último adeus! E ela merece sem dúvida isto, independentemente da distância, de onde ela estava e o rumo que tomou a sua vida.. Temos um pedido de desespero da família, a família e amigos choram a morte e vivem do desespero de não poder ter perto o corpo para a última despedida! A vida não é justa, a vida é curta e sofremos a morte de alguém quando menos esperamos! Está família só quer justiça, quer o corpo e a alma presente, e junto a eles.
“São OITO MIL CENTO E TRINTA E DOIS EUROS E NOVENTA Cêntimos. O dinheiro será colocado na conta da agência, ao qual basta colocar o nome RITA MAGNI para ser identificado. E o comprovativo! 1€,2€, toda a ajuda é bem vinda.” Foi disponibilizada uma conta bancária PT50 0036 0160 9910 0080 292 29 e o contacto pelo número de telemóvel 933 797 250 para transferências pela aplicação MB Way.

Impala Instagram


RELACIONADOS