Grécia condena ameaça turca de ataque com mísseis

O ministro dos Negócios Estrangeiros grego condenou hoje a ameaça do Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, de atacar com mísseis balísticos a capital da Grécia, Atenas.

Grécia condena ameaça turca de ataque com mísseis

Grécia condena ameaça turca de ataque com mísseis

O ministro dos Negócios Estrangeiros grego condenou hoje a ameaça do Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, de atacar com mísseis balísticos a capital da Grécia, Atenas.

“São inaceitáveis e universalmente condenáveis ameaças de ataques de mísseis contra a Grécia por parte de um país aliado, um membro da NATO”, afirmou Nikos Dendias, à chegada da reunião dos chefes da diplomacia da União Europeia (UE), a decorrer em Bruxelas. O ministro grego afirmou que “atitudes de Coreia do Norte não podem e não devem entrar na Aliança Atlântica”.

Para ler depois
Autarcas querem reforço dos quadros de pessoal do hospital de Setúbal
Os presidentes das câmaras de Setúbal, Palmela e Sesimbra, revelaram hoje que vão defender o “reforço dos quadros de pessoal” do Centro Hospitalar de Setúbal (CHS) na reunião com o ministro da Saúde agora marcada para dia 20 (… continue a ler aqui)

Num encontro com jovens na cidade turca de Samsun, no sábado passado, Recep Tayyip Erdogan afirmou que a Turquia começou a fabricar os seus próprios mísseis balísticos de curto alcance chamados Tayfun, referindo que essas armas estão “a assustar os gregos”. “Os gregos dizem que os mísseis conseguem atingir Atenas. Claro que conseguem. Se não se acalmarem, se tentarem comprar aos Estados Unidos e a outros lugares para armarem as ilhas (…) um país como a Turquia terá que fazer alguma coisa”, declarou o Presidente turco.

As relações entre Turquia e Grécia, aliados na NATO e países vizinhos, são tensas há bastante tempo, com ambos os lados divididos numa série de assuntos, incluindo disputas sobre territórios no mar Egeu e direitos de exploração energética no Mediterrâneo oriental. Ambos os países já estiveram à beira da guerra três vezes nos últimos 50 anos. A Turquia tem elevado o clima de tensão nos últimos meses, ao questionar abertamente a soberania de ilhas gregas habitadas.

Erdogan ameaçou mesmo que tropas turcas poderiam desembarcar na Grécia “de repente”, mas a sugestão de um ataque com mísseis é nova. Na semana passada, a Turquia acusou a Grécia de violar acordos internacionais ao realizar um exercício militar no mar Egeu, frisando que o destacamento de meios militares nas ilhas orientais, perto da costa turca, viola o estatuto não militarizado daqueles territórios ditado pela lei internacional.

Atenas contrapôs e afirmou que precisa de defender as ilhas de um potencial ataque turco, apontando que Ancara tem uma força militar considerável na sua costa ocidental, a pouca distância das ilhas.

Impala Instagram


RELACIONADOS