Morreu o jovem atingido a tiro no Algarve

O jovem, de 19 anos, foi atingido com um tiro na cabeça. Alegado autor do disparo fugiu.

Morreu o jovem atingido a tiro no Algarve

Morreu o jovem atingido a tiro no Algarve

O jovem, de 19 anos, foi atingido com um tiro na cabeça. Alegado autor do disparo fugiu.

O jovem de 19 anos, que pertence ao staff da discoteca Lick, em Boliqueime, Loulé, e foi atingido a tiro na madrugada desta sexta-feira, 23 de agosto, morreu, avança a SIC. Em declarações à agência Lusa, fonte do comando adiantou que a vítima foi atingida com um tiro na cabeça.

LEIA DEPOIS
Casal morto a tiro dentro de casa em Famalicão

«O alegado autor do disparo pôs-se em fuga num motociclo que, entretanto, já foi recuperado pelas autoridades. Contudo, até ao momento ainda não encontrado», disse a mesma fonte, por volta das 8:00. A GNR revelou à mesma publicação que a vítima foi transportada ao hospital de Faro, mas acabou por morrer.

Morreu devido a agressão com arma de fogo

Uma fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro tinha indicado que o alerta para a «agressão com arma de fogo», que ocorreu no exterior da discoteca, foi dado às 3:49. Foram chamados ao local 14 operacionais, seis viaturas do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e Guarda Nacional Republicana (GNR. A investigação do caso está agora a cargo da Polícia Judiciária.

Gerente da Lick presta condolências

Fernando Pacheco, gerente da Lick, lamentou, numa nota enviada à Lusa, os acontecimentos ocorridos no exterior do espaço e que «culminaram na morte de um colaborador» .«O Lick encontra-se atualmente a prestar o apoio à família, tendo já prestado todo o apoio às autoridades competentes para que o(s) responsável(is) por estes atos seja(m) levado(s) à justiça o quanto antes», é referido.

LEIA MAIS
Previsão do tempo para sexta-feira, 23 de agosto

Impala Instagram


RELACIONADOS