Mãe de Rui Pedro faz novo pedido emocionado em mensagem desesperada

Filomena Teixeira, mãe de Rui Pedro, a criança de 11 anos que desapareceu em 1998 e chocou o nosso país, deixou uma mensagem emocionada para todos os portugueses.

Mãe de Rui Pedro faz novo pedido emocionado em mensagem desesperada

Filomena Teixeira, mãe de Rui Pedro, a criança de 11 anos que desapareceu em 1998 e chocou o nosso país, deixou uma mensagem emocionada para todos os portugueses.

Foi há quase 20 anos que Portugal assistiu a uma tragédia que indignou e chocou o país: o desaparecimento de Rui Pedro. Com apenas 11 anos, a criança foi dada como desaparecida em Lousada a 4 de março de 1998.

“Não se esqueçam dele. Por favor! Prometam-me que não se esquecem dele”, pede a mãe de Rui Pedro

Filomena Teixeira, mãe de Rui, sempre lutou incansavelmente em busca do filho e perante várias teorias nunca comprovadas  que colocavam a hipótese de morte, Filomena nunca deixou de ter fé em voltar a ver Rui Pedro. Recentemente, o jornal Torres do Vale do Sousa partilhou uma mensagem muito comovente de Filomena dirigida a todos os portugueses:

“Quero ter a mente sempre ocupada a ler ou a fazer alguma coisa… Ultimamente leio livro atrás de livro, numa ânsia desmedida. Quero não pensar. Quero pensar que sou outra pessoa e que convivo com a dor ‘saudavelmente’. Não quero acreditar que esta saudade me invade e me faz explodir de dor. A quem falar? A quem contar? Confiar? O que me podem dizer?

Queria tanto ser diferente, faço tudo ao contrário, fecho-me, isolo-me. E leio. Mas não esqueço. Não posso deixar de falar cada vez mais nele, tudo me lembra dele. E hoje é um dia de choro, de revolta, de desespero e mais, e mais, até ao infinito da dor.

Não se esqueçam dele. Por favor! Prometam-me que não se esquecem dele. E se me acontecer qualquer coisa, continuem a lutar por saber o que lhe aconteceu. É já tudo o que me resta! Este desespero de saudade que só quem é mãe sente. Por favor não se esqueçam dele. Nunca desistam. Mãe.”

Rui Pedro pediu à sua mãe para dar um passeio de bicicleta e nunca mais voltou a ser visto. Nunca chegou a ser provado o que aconteceu à criança. Assassinato, rapto ou fuga são algumas das hipóteses. Apesar de até hoje o seu paradeiro ser um mistério, Afonso Dias, de 37 anos, foi o principal suspeito do caso.

Entretanto, Afonso Dias, condenado pelo rapto de Rui Pedro, já foi libertado.

Veja também:




Impala Instagram

Mais

RELACIONADOS