Cinco distritos sob aviso laranja na passagem de ano

São cinco os distritos que estão sob aviso laranja do IPMA neste sábado, 31 de dezembro. A Proteção Civil também alertou para a possibilidade de inundações, deslizamento de terras e lençóis de água nas estradas.

Cinco distritos sob aviso laranja na passagem de ano

Cinco distritos sob aviso laranja na passagem de ano

São cinco os distritos que estão sob aviso laranja do IPMA neste sábado, 31 de dezembro. A Proteção Civil também alertou para a possibilidade de inundações, deslizamento de terras e lençóis de água nas estradas.

Vila Real e Aveiro juntaram-se à lista de distritos (Viana do Castelo, Porto e Braga) sob aviso laranja do IPMA na passagem de ano, devido a chuva forte e persistente, estando os restantes distritos do continente sob aviso amarelo. Viana do Castelo, Porto e Braga já tinham, desde sexta-feira, o mesmo aviso laranja, devido ao mau tempo, mas esta manhã o IPMA atualizou para cinco a lista de distritos sob aviso laranja, devido a precipitação “persistente e por vezes forte” entre as 00h00 e as 12h00 de domingo. Também na passagem de ano, domingo, o IPMA colocou os restantes distritos do continente sob aviso amarelo, o menos grave de uma escala de três, devido à agitação marítima, chuva persistente e vento forte.

Só nos arquipélagos estão previstos avisos meteorológicos verdes, com exceção de dois avisos amarelos na Madeira, nas Costa Sul e nas R. Montanhosas. O agravamento do estado do tempo no continente no Fim de Ano já tinha sido divulgado pelo IPMA, na sexta-feira, anunciando previsões de chuva e vento no Minho e Douro Litoral a partir da tarde de hoje, estendendo-se ao restante território continental ao longo de domingo.

Está a pensar ir a banhos? Saiba o que diz a AMN

O aviso laranja, o segundo mais grave de uma escala de três, devido à precipitação forte, aplica-se a estes três distritos do norte de Portugal continental no primeiro dia do ano de 2023, entre as 00h00 e as 12h00, de acordo com o IPMA. A Autoridade Marítima Nacional (AMN) aconselha a “não ir a banhos” no primeiro dia de 2023 e a evitar a deslocação para zonas expostas à agitação marítima. A Proteção Civil também alertou para a possibilidade de inundações, deslizamento de terras e lençóis de água nas estradas devido às previsões de chuva e vento forte a partir de sábado, principalmente nas regiões do Norte e Centro.

Para ler depois
Receitas caseiras milagrosas para curar uma ressaca
A passagem de ano está aí à porta e, já a antever os excessos tão comuns deste dia, deixamos-lhe algumas receitas caseiras que o podem ajudar a superar as consequências da noite anterior. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS