Inês Simões revela ter sido vítima de assédio sexual: «Nunca mais trabalhei em televisão»

Inês Simões afirma que, tal como Sofia Arruda, também foi vítima de assédio sexual. A atriz frisa que, depois deste caso, “nunca mais” trabalhou em televisão.

Inês Simões revela ter sido vítima de assédio sexual: «Nunca mais trabalhei em televisão»

Inês Simões afirma que, tal como Sofia Arruda, também foi vítima de assédio sexual. A atriz frisa que, depois deste caso, “nunca mais” trabalhou em televisão.

Inês Simões “também” foi vítima de assédio sexual. A atriz, cujo último papel fixo foi na série “País Irmão“, da RTP1, quis dar o seu exemplo depois de Sofia Arruda ter revelado, no “Alta Definição“, da SIC, do último sábado, que “não estava a ser escolhida [para trabalhar em TV] devido a uma aproximação de uma pessoa com muito poder dentro de uma estação de televisão, dentro de uma produtora, que queria uma atenção que não era profissional”.

“Sei bem o que é isso porque também me aconteceu. Acredito que aconteça ainda com frequência com muitas atrizes e atores”, escreve Inês Simões no Instagram, como pode ver na galeria acima. “Efetivamente, nunca mais trabalhei em TV, mas criei outros projetos e mantive a minha dignidade e consciência tranquila“, termina.

Atriz ficou célebre na série “Morangos com Açúcar”

Antes de “País Irmão”, emitida em 2017 e 2018, Inês Simões participou nas novelas “Amor Maior” (2016-2017), da SIC, e na sitcom da RTP1 “Bem-Vindos a Beirais” (2015-1016), entre outras. A atriz, que se tornou conhecida na série infantojuvenil “Morangos com Açúcar“, da TVI, é atualmente CEO de uma empresa de comunicação e marketing digital.

LEIA AINDA
Jornalista da SIC denuncia «assédio sexual» no canal
Jornalista da SIC denuncia «assédio sexual» no canal
Barbara Guevara diz ter sido “alvo de assédio sexual e abuso de poder” enquanto “trabalhava em televisão enquanto jornalista, na SIC”. O seu relato junta-se ao de Sofia Arruda. (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS