Katie Sowers é a primeira treinadora mulher gay a chegar ao Super Bowl

«Há muitas pessoas que se identificam como LGBT na NFL, como em qualquer outro ramo, mas não se sentem confortáveis sobre sua orientação sexual.»

Katie Sowers é a primeira treinadora mulher gay a chegar ao Super Bowl

Katie Sowers é a primeira treinadora mulher gay a chegar ao Super Bowl

«Há muitas pessoas que se identificam como LGBT na NFL, como em qualquer outro ramo, mas não se sentem confortáveis sobre sua orientação sexual.»

A estrela deste ano do Super Bowl, final da NFL, é Katie Sowers. A treinadora do San Francisco 49ers entrou no estádio e fez história mesmo antes do resultado final.

LEIA DEPOIS
Meteorologia: Previsão do tempo para terça-feira, 4 de fevereiro

Katie Sowers é a primeira mulher e primeira treinadora homossexual assumida a treinar uma equipa a chegar ao Super Bowl. Numa entrevista concedida ao site Outsports, Katie revelou: «Há muitas pessoas que se identificam como LGBT na NFL, como em qualquer outro ramo, mas não se sentem confortáveis sobre sua orientação sexual.»

Katie Sowers é a segunda mulher a participar numa comissão da NFL

Aos 33 anos, Katie integra uma comitiva de 23 técnicos de equipa, mas esta não é a sua única ligação com o futebol americano. Já durante a universidade, disputou a Women’s Football Alliance, liga de futebol americano feminino dos Estados Unidos. Katie foi ainda convocada para a seleção americana, em 2013, onde jogou a final da Taça do Mundo da Federação Internacional de Futebol Americano e acabou por arrecadar o troféu. Contudo, uma série de lesões graves obrigaram-na a abandonar o desporto.

Em 2016, começou o seu caminho na comissão técnica da NFL, com um cargo temporário no Atlanta Falcons. Lá conheceu Kyle Shanahan, atual treinador dos 49ers. Algum tempo mais tarde, Katie passou a atuar como assistente na equipa até que passou a ser efetiva já durante esta temporada, tornando-se assim a segunda mulher a participar numa comissão da NFL.

LEIA MAIS
Dia Mundial do Cancro | IPO aberto até mais tarde para que mais pessoas possam dar sangue

 

Impala Instagram


RELACIONADOS