Voo da Sata a caminho de Toronto com três dias de atraso

Uma avaria no avião reteve 300 pessoas no aeroporto de Ponta Delgada na última quinta-feira. O voo da SATA-Azores Airlines entre Ponta Delgada e Toronto foi cancelado, e os passageiros só seguiram viagem esta manhã

Voo da Sata a caminho de Toronto com três dias de atraso

Voo da Sata a caminho de Toronto com três dias de atraso

Uma avaria no avião reteve 300 pessoas no aeroporto de Ponta Delgada na última quinta-feira. O voo da SATA-Azores Airlines entre Ponta Delgada e Toronto foi cancelado, e os passageiros só seguiram viagem esta manhã

Os 300 passageiros da ligação da SATA-Azores Airlines entre Ponta Delgada, São Miguel e Toronto, Canadá, retidos desde quinta-feira devido a uma avaria no avião seguem viagem no domingo. António Portugal explicou que «o voo Ponta Delgada/Toronto, com 150 passageiros, não se realizou na quinta-feira devido a uma avaria» no avião Airbus A321, mas «quando o problema técnico foi solucionado a tripulação já tinha excedido as suas horas de voo».

Companhia aérea conseguiu alojamento para todos os passageiros

«Os 150 passageiros de Ponta Delgada para Toronto seguem viagem no domingo às 8h00 locais (9h00 em Lisboa)» e para «as 21h25 está prevista a ligação do Canadá para São Miguel», acrescentou o porta-voz da companhia aérea açoriana. António Portugal garantiu, no entanto, que foram realizadas «outras ligações» com o Canadá que «já estavam programadas». Quanto aos 150 passageiros que ficaram retidos em Ponta Delgada, António Portugal garantiu que a companhia aérea «não tem conhecimento de ninguém que tenha ficado sem alojamento».

«A SATA conseguiu alojamento, mesmo com muitas dificuldades dada a ocupação hoteleira atualmente (em São Miguel). E mesmo em casos em que não conseguimos alojar passageiros, solicitamos que tentassem ver qual a disponibilidade de alojamento, porque seriam reembolsados pela companhia», sublinhou.

LEIA MAIS
Presidente da Comissão Europeia Jean-Claude Juncker operado de urgência
Localizados os sete pescadores desaparecidos há três dias na Madeira

Impala Instagram


RELACIONADOS