Tesla desgovernado mata duas pessoas e deixa rasto de destruição na China [vídeo]

Vídeo mostra Tesla desgovernado a atropelar diversas pessoas e a deixar um rasto de destruição na China.

Tesla desgovernado mata duas pessoas e deixa rasto de destruição na China [vídeo]

Tesla desgovernado mata duas pessoas e deixa rasto de destruição na China [vídeo]

Vídeo mostra Tesla desgovernado a atropelar diversas pessoas e a deixar um rasto de destruição na China.

O caso só agora foi conhecido, mas tudo terá acontecido a 5 de novembro. Foi nesse dia que um Tesla desgovernado roubou a vida a duas pessoas, deixando mais três feridas. A isto juntam-se avultados danos materiais que se acumularam durante o tempo em que a viatura acelerou sem que nada a detivesse. Tudo aconteceu na província de Guangdong, no sul da China e o incidente está a ter eco em todo o mundo.

Dois aviões chocam e explodem em espetáculo de acrobacias no Texas [vídeo]
Dois aviões colidiram durante um espetáculo de acrobacias no Texas, Estados Unidos da América. Aeronaves explodiram e os dois pilotos acabaram por morrer (… continue a ler aqui)

No vídeo é possível ver a viatura estacionar e depois arrancar de forma anormal. Segue-se uma viagem com velocidade excessiva que leva o Tesla a protagonizar diversos atropelamentos e colisões. Fica mesmo a ideia que a viatura segue, de forma descontrolada, no limite da sua velocidade. Ainda que consiga evitar algumas viaturas, o carro também atropela várias pessoas. Numa fase inicial, não foi encontrada nenhuma explicação para o incidente, mas um familiar do proprietário da viatura revelou a existência de problemas com o pedal de travão do Tesla. Agora, cabe às autoridades determinar o que realmente terá motivado o descalabro.

Tesla reage ao acidente

Também a Tesla já reagiu ao acidente. A marca garante total apoio às autoridades e explica que o registo do veículo mostra que o pedal de travão não foi acionado e que o do acelerador foi pressionado durante um largo período de tempo. A Tesla pede ainda que as pessoas não acreditem nos rumores que estão a circular relacionados com o acidente. Esta não é a primeira vez que a marca lida com acusações de problemas relacionados com os travões. Cabe agora à Tesla provar que o acidente foi motivado por falha humana e não devido a uma anomalia da viatura.

Texto: Bruno Seruca; Fotos: Reprodução NetCarShow

Impala Instagram


RELACIONADOS