Homem de 20 anos matou a tia à facada em Sintra e não vai para a cadeia

Considerado inimputável perigoso por doença psíquica, Denilson Veiga matou a tia, de 27 anos, «com cerca de 50 facadas», em Sintra.

Homem de 20 anos matou a tia à facada em Sintra e não vai para a cadeia

Homem de 20 anos matou a tia à facada em Sintra e não vai para a cadeia

Considerado inimputável perigoso por doença psíquica, Denilson Veiga matou a tia, de 27 anos, «com cerca de 50 facadas», em Sintra.

Dava pelo nome de Lil Money, tinha 20 anos e matou a tia, com com quem vivia, Janilsa Amado, de 27 anos, «com cerca de 50 facadas». O homicídio deu-se em São Marcos, Sintra, em 17 de julho do ano passado. De acordo com o Ministério Público (MP) Denilson Veiga, o suspeito que usava o nome de rapper Lil Money, tentou ainda esfaquear o marido da vítima e a filha do casal, bebé de três anos.

LEIA DEPOIS
Avó pendura neto por corda a 15 metros de altura para resgatar gato [vídeo]

Matou a tia à facada, mas não vai para a cadeia

O MP alega ainda que Denilson «agiu determinado pela perturbação de natureza psíquica relativa à doença de que padecia e padece». Por esta razão, «foi requerido que o mesmo seja declarado inimputável, perigoso». Em vez de cadeia, o procurador pede «medida de segurança de internamento em estabelecimento de cura, tratamento ou segurança». Os golpes foram desferidos – com recurso a duas facas – «na cabeça, no pescoço, no tórax, no abdómen e nos membros», ferimentos que determinariam a morte da tia. Foi detido dois dias após os crimes, na posse das armas do crime, à saída de uma festa.

LEIA MAIS
«Pensei suicidar-me por ter mais de 50 orgasmos por dia» [vídeo]

 

Impala Instagram


RELACIONADOS