Última Hora: Frente ativa em direção a Monchique sem acessos para meios de combate ao incêndio

Última Hora: Frente ativa em direção a Monchique sem acessos para meios de combate ao incêndio

O incêndio que deflagrou há 48 horas em Monchique conta com duas frentes preocupantes, uma delas em direção à vila algarvia e sem acesso para meios de combate, disse fonte da Proteção Civil.

“Há uma frente virada a sul, em direção à vila de Monchique, que está sem acessos a meios de combate, quer aéreos, quer terrestres, e outra frente, mais a este, que acompanha a EN266 e que, na sua vertente mais a norte, pode evoluir no sentido de Nave Redonda”, disse o Comandante Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro, Vaz Pinto, durante um ponto de situação.

As forças de combate ao “complexo” incêndio, que já obrigou à deslocação de mais de 100 pessoas em 15 lugares dos concelhos de Monchique e Odemira, vão ser reforçadas ao início da noite com mais 16 máquinas de rasto.

 VEJA AINDA: Mais de 700 bombeiros continuam o combate às chamas em Monchique

Siga a Impala no Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS

Última Hora: Frente ativa em direção a Monchique sem acessos para meios de combate ao incêndio

O incêndio que deflagrou há 48 horas em Monchique conta com duas frentes preocupantes, uma delas em direção à vila algarvia e sem acesso para meios de combate, disse fonte da Proteção Civil.