Estatuto do Cuidador Informal vai ser aplicado com ajuda da GNR

A GNR vai colaborar com a Segurança Social na aplicação do Estatuto do Cuidador Informal, através de ações de sensibilização e de apoio na instrução dos processos de requerimento, ao abrigo de um protocolo hoje firmado.

Estatuto do Cuidador Informal vai ser aplicado com ajuda da GNR

Estatuto do Cuidador Informal vai ser aplicado com ajuda da GNR

A GNR vai colaborar com a Segurança Social na aplicação do Estatuto do Cuidador Informal, através de ações de sensibilização e de apoio na instrução dos processos de requerimento, ao abrigo de um protocolo hoje firmado.

Além de ajudar na aplicação do Estatuto do Cuidador Informal no terreno, a GNR vai também sinalizar potenciais cuidadores informais e colaborar nas ações previstas no Plano de Intervenção Especifico em vigor para cada cuidador, através da cedência de espaços para ações de formação e informação, de acordo com o documento assinado com o Instituto de Segurança Social (ISS).

Integrar na Operação Censos Sénior, esclarecimentos temáticos relativos às questões sobre os cuidadores informais, bem como caracterizar o tipo de apoio dado pelo cuidador a cada idoso, é outra das valências previstas. Em comunicado conjunto, foi ainda indicado o apoio a crianças e jovens em situação de dependência para atividades relacionadas com o desenvolvimento psicossocial. A cerimónia de assinatura contou com a presença do presidente do conselho diretivo do ISS, Rui Fiolhais, e do comandante do Comando Operacional, José Manuel Lopes dos Santos Correia.

LEIA AGORA
João Almeida
REPORTAGEM: João Almeida e a paralisia do Estado
Aos 29 anos, a vida de João Almeida é um impasse. Pleno de barreiras intransponíveis, vive em Belém, à beira-Tejo, mas «há anos» que nem uma selfie consegue tirar ao pé do rio, «como toda a gente faz». (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS