Caso real: «Ficar com a minha filha em casa na licença de maternidade foi um tormento»

«Aquele momento que toda a gente anseia ir para casa e estar atenta a uma nova vida, vivendo quase como num mundo cor-de-rosa, foi para mim, na verdade, um suplício.»

Caso real: «Ficar com a minha filha em casa na licença de maternidade foi um tormento»

Caso real: «Ficar com a minha filha em casa na licença de maternidade foi um tormento»

«Aquele momento que toda a gente anseia ir para casa e estar atenta a uma nova vida, vivendo quase como num mundo cor-de-rosa, foi para mim, na verdade, um suplício.»

Um caso real contado ao nosso site Crescer. «Aquele momento que toda a gente anseia ir para casa e estar atenta a uma nova vida, vivendo quase como num mundo cor-de-rosa, foi para mim, na verdade, um suplício.

LEIA DEPOIS
Previsão do tempo para esta quarta-feira, 11 de dezembro

Detestei estar em casa com a minha filha de licença de maternidade. Aliás! Atrevo-me a dizer que foi um tormento. Ter ali à minha frente um bebé que só come, dorme e chora, foi desesperante. Quase que dei em maluca.

Sei que a maioria das mães prefere ir para casa mais cedo e ficar com os bebés o máximo de tempo possível, mas… eu não! Amo a minha menina mais do que tudo na vida, mas… não gostei de estar em casa sozinha com ela.

Aquela rotina, aquelas incertezas, aquelas dúvidas… tudo me pareceu estranho e fora de contexto. Ir trabalhar foi um alívio! Um alívio daqueles que nem sei explicar. À conta disso, não quero sequer pensar em ter um segundo filho.»

Caso real | «Desde que a nossa filha nasceu, a relação piorou»

«Talvez eu seja dos poucos homens que se metam nestas coisas dos desabafos, mas… acho que também é importante mostrar que não existe só o lado feminino no que diz respeito à parentalidade.» Leia tudo aqui.

LEIA MAIS
Segurança de discoteca agride jovem e deixa-a a morrer [vídeo]

 

Impala Instagram


RELACIONADOS