Casal de idosos vence covid-19 e deixa hospital de mãos dadas

Um casal de idosos diagnosticado com covid-19 tinha, de acordo com o prognóstico clínico, poucas chances de sobrevivência. Não só contrariaram as expectativas como tiveram alto ao mesmo tempo.

Casal de idosos vence covid-19 e deixa hospital de mãos dadas

Casal de idosos vence covid-19 e deixa hospital de mãos dadas

Um casal de idosos diagnosticado com covid-19 tinha, de acordo com o prognóstico clínico, poucas chances de sobrevivência. Não só contrariaram as expectativas como tiveram alto ao mesmo tempo.

Michael, de 91 anos, e a mulher, Gillian England, de 88 anos, são casados ​​há mais de 60 anos e ambos foram diagnosticados com covid-19 cerca de três semanas antes do momento em que tiveram alta hospitalar. O casal de idosos foi internado num hospital de Leicester, em Inglaterra, no mesmo dia.

LEIA DEPOIS
Moradores oferecem apartamento a empregada de limpeza [vídeo]

Casal de idosos tomava chá todos os dias junto

As enfermeiras dizem que Michael “costumava acordar cedo para vestir-se e ir ver a mulher, antes mesmo da chegada do médico”. Nunca dispensaram, ao longo de perto de um mês de internamento, “tomarem chá juntos”, “todos os dias à mesma hora”. “Quero ficar bem para poder tomar conta da minha Gillian. É isso que quero”, “dizia sempre Michael”, de acordo com relato das enfermeiras reproduzido na Imprensa local.

«Não perdi nada porque a Gillian está aqui e pude vê-la todos os dias»

“Receber alta no mesmo dia é ainda mais especial, pois estivemos sempre juntos”

No momento em que o casal de idosos recebeu alta e deixou o hospital, sempre de mãos dadas, Michael estava radiante. Principalmente porque nos dias em que estiveram hospitalizados não “perdeu nada”. “De facto, não perdi nada porque a Gillian está aqui e pude vê-la todos os dias. Sentimo-nos muito gratos a todos os funcionários, que fizeram o possível para garantir que nunca nos separassem. Receber alta no mesmo dia é ainda mais especial, pois estivemos juntos em toda a nossa jornada de recuperação.”

LEIA AGORA
Pandemia: Portugal com novo recorde de mortes e 13.987 novos casos

Impala Instagram


RELACIONADOS