Bebé que foi atirado ao rio pelo pai em Barcelona nasceu numa pensão

Pais do bebé terão escondido a gravidez da família. Na altura do parto dirigiram-se a uma pensão.

Bebé que foi atirado ao rio pelo pai em Barcelona nasceu numa pensão

Bebé que foi atirado ao rio pelo pai em Barcelona nasceu numa pensão

Pais do bebé terão escondido a gravidez da família. Na altura do parto dirigiram-se a uma pensão.

A população de Barcelona está em choque com a notícia, que foi confirmada na sexta-feira, 27 de setembro. O bebé, recém-nascido, que foi atirado pelo pai, um jovem de 16 anos, ao rio, em Barcelona.

LEIA DEPOIS
Saiba o que fazer se for picado pela vespa asiática

A gravidez da mãe do bebé, também menor, foi escondida. «Estiveram aqui. Não escutamos nem um grito, nem um suspiro, nem um ruído. Quando foram embora, deixaram tudo limpo», disse uma rececionista do hotel em que ficaram, citada pelo jornal El País. A jovem terá tido o bebé no quarto do hotel.

Pouco tempo depois de a jovem ter dado à luz a criança, o pai meteu o bebé dentro de uma mala e lançou-o ao rio Beòs, que fica a cerca de onze quilómetros do hotel. O corpo do bebé foi encontrado esta sexta-feira, 27 de setembro, pelas autoridades de Barcelona, depois de 72 horas de buscas.

O jovem confessou o crime e está num centro de menores desde quarta-feira, 25 de setembro. Já a jovem continua em liberdade, mas está a ser investigada pelos Mosso d’Esquadra.

Bebé nasce sem qualquer ajuda médica

Na altura em que as contrações começaram, os dois criaram um plano para esconder tudo até ao fim. Dirigiram-se até um hotel e escolheram um quarto com casa de banho privada. Local onde, sem qualquer ajuda médica, a jovem deu à luz. O rapaz atravessou a cidade de Barcelona sozinho, com uma mala na mãe.

Abriu a mala, tirou o bebé e meteu-se numa zona de vegetação alta, na hora em que saiu, já não havia rasto da criança.

Vizinhos alertaram a polícia

O sítio em que o bebé foi deixado está rodeado de casa. Na altura em que o rapaz saiu da água e entrou num bar, a polícia recebeu dezenas de chamadas a alertar para o que tinha acontecido no rio. O rapaz terá pedido ao funcionário do bar para fazer algumas chamadas telefónicas e, pouco tempo depois, o avô do bebé apareceu no local. Juntos, apresentaram-se numa esquadra, onde o rapaz confessou o crime.

O corpo do bebé foi encontrado por um cão da unidade canina da Polícia autónoma.

LEIA MAIS
Previsão do tempo para este domingo, 29 de setembro

Impala Instagram


RELACIONADOS