Banco de Portugal revoga autorização e cancela registo de 91 intermediários de crédito

O Banco de Portugal (BdP) anunciou hoje que revogou a autorização e cancelou o registo de 91 intermediários de crédito pelo incumprimento dos requisitos de acesso à atividade.

Banco de Portugal revoga autorização e cancela registo de 91 intermediários de crédito

Banco de Portugal revoga autorização e cancela registo de 91 intermediários de crédito

O Banco de Portugal (BdP) anunciou hoje que revogou a autorização e cancelou o registo de 91 intermediários de crédito pelo incumprimento dos requisitos de acesso à atividade.

“Os intermediários de crédito devem cumprir em permanência os requisitos gerais de acesso à atividade de intermediário de crédito, incluindo possuir uma organização comercial e administrativa adequada ao exercício da atividade, e conhecimentos e competências adequados em matéria de contratos de crédito, ter idoneidade e ter assegurada, perante terceiros, a responsabilidade civil que possa decorrer do exercício da atividade de intermediário de crédito”, refere o BdP em comunicado partilhado hoje no seu portal.

EDP Comercial descarta alterações no preço da eletricidade até final do ano
A EDP Comercial indicou hoje, em comunicado, que “não prevê fazer mais alterações até ao final do ano no preço da eletricidade” a menos que haja “situações excecionais no decorrer dos próximos meses” (… continue a ler aqui)

De igual forma, o banco central aponta que os intermediários têm de cumprir em permanência “os requisitos específicos de cada categoria, como a manutenção do vínculo a um mutuante ou a um grupo de mutuantes, no caso dos intermediários de crédito vinculados e a título acessório”. O Banco de Portugal alerta ainda que os intermediários de crédito devem notificá-lo no prazo de 30 dias sobre qualquer alteração a elementos do registo, como moradas, identidade de sócios ou dos mutuantes com quem estes mantêm vínculo.

O Banco de Portugal alerta ainda que os intermediários de crédito devem notificá-lo no prazo de 30 dias sobre qualquer alteração a elementos do registo

Os 30 dias são também o prazo para notificações quanto a alterações relativas ao órgão de administração. Na nota, o BdP regista que a atividade de intermediário de crédito apenas pode ser desenvolvida por “entidades habilitadas e autorizadas pelo Banco de Portugal”.

Sindicatos lançam pré-aviso de greve em 10 aeroportos nacionais de 19 a 21 de agosto
Os sindicatos SINTAC e SQAC anunciaram hoje um pré-aviso de greve para os 10 aeroportos nacionais concessionados pela Vinci Aeroportos entre os dias 19 e 21 de agosto (… continue a ler aqui)

Impala Instagram


RELACIONADOS