Polícia Judiciária apanha 50 pedófilos através da internet

Quase todos os detidos ficaram em prisão preventiva.

Polícia Judiciária apanha 50 pedófilos através da internet

Polícia Judiciária apanha 50 pedófilos através da internet

Quase todos os detidos ficaram em prisão preventiva.

A Polícia Judiciária deteve 50 pedófilos, através da internet, em apenas um ano. Quase todos os detidos ficaram em prisão preventiva. Estes dados foram avançados pelo responsável da PJ, no âmbito do Dia Europeu da Internet Mais Segura. Números demonstram que a pandemia fez disparar crimes nesta área.

“Só na área dos abusos sexuais e pornografia de menores registámos uma subida superior a 40%, de 500 inquéritos em 2019 para mais de 800 em 2020”, refere Carlos Cabreiro, diretor da Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime e à Criminalidade Tecnológica (UNC3T) da PJ. Carlos Cabreiro alerta ainda para que esta subida não esteja diretamente relacionada com a pandemia, contrariamente a outros crimes. “Registámos um aumento significativos nas fraudes relativas a pagamentos eletrónicos. Por exemplo, no caso do MBway foram abertos mais de sete mil inquéritos”, revela, sublinhando depois que o volume de casos não é maior.

As autoridades apelam aos cuidados na utilização da internet.

 

LEIA MAIS

Meteorologia: Previsão do tempo para quinta-feira, 11 de fevereiro

 

Impala Instagram


RELACIONADOS