Lufthansa cancela mais 2.200 voos por falta de pessoal

A companhia aérea alemã Lufthansa vai cancelar mais 2.200 voos nos aeroportos de Frankfurt e Munique por falta de pessoal, que se somam aos 900 anunciados há duas semanas para julho.

Lufthansa cancela mais 2.200 voos por falta de pessoal

Lufthansa cancela mais 2.200 voos por falta de pessoal

A companhia aérea alemã Lufthansa vai cancelar mais 2.200 voos nos aeroportos de Frankfurt e Munique por falta de pessoal, que se somam aos 900 anunciados há duas semanas para julho.

A Lufthansa informou na quinta-feira à noite que vai cancelar 2.200 voos dos 80.000 voos programados, também alguns durante a semana, por falta de pessoal. Há duas semanas, a Lufthansa disse que em julho cancelaria 900 voos na Alemanha e na Europa a partir de Frankfurt e Munique em julho, às sextas-feiras e fins de semana.

Greve na Ryanair entre hoje e domingo e sem serviços mínimos
A paralisação “a realizar nos dias 24, 25 e 26 de junho de 2022, foi decretada para todos os voos da Ryanair”, assegura o Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (… continue a ler aqui)

“Os cancelamentos afetam especialmente os voos na Alemanha e na Europa, mas não os destinos típicos de férias”, segundo a empresa alemã. “Greves do pessoal de segurança, as condições meteorológicas e o aumento de trabalhadores que contraíram o coronavírus sobrecarregaram ainda mais o sistema”, de acordo com a Lufthansa. A Eurowings também avançou há duas semanas que previa cancelar centenas de voos em julho para estabilizar a sua oferta.

Atualmente, muitas companhias aéreas e aeroportos na Europa também estão com falta de pessoal porque durante a pandemia de covid-19 cortaram muitos empregos devido a fortes restrições de voos. A infraestrutura aeroportuária e os serviços de segurança e controle de passageiros ainda não voltaram à normalidade, ao nível de 2019 antes da pandemia, razão pela qual as companhias aéreas não podem oferecer todos os seus voos.

 

Impala Instagram


RELACIONADOS