Consumo de eletricidade por causa do frio bate recorde diário com 11 anos

O consumo de eletricidade bateu na quarta-feira o recorde diário de 11 anos e o de gás natural ultrapassou o máximo de 2017, segundo dados da REN

Consumo de eletricidade por causa do frio bate recorde diário com 11 anos

Consumo de eletricidade por causa do frio bate recorde diário com 11 anos

O consumo de eletricidade bateu na quarta-feira o recorde diário de 11 anos e o de gás natural ultrapassou o máximo de 2017, segundo dados da REN

O consumo de eletricidade bateu na quarta-feira o recorde diário de 11 anos e o de gás natural ultrapassou o máximo de 2017, segundo dados da REN – Redes Energéticas Nacionais hoje divulgados.

A vaga de frio é a razão para o aumento de consumo de energia, levando a bater recordes tanto a nível de pico como de consumo diário, refere a gestora das redes energéticas em Portugal.

O consumo máximo diário de energia elétrica atingiu 185,1 GWh na quarta-feira (13 de janeiro), superando o máximo registado em 11 de janeiro de 2010.

O maior pico de consumo de eletricidade registou-se às 19:30 de dia 12, e foi de 9.887 MW, ultrapassando o recorde de 9.403 MW registado em 2010.

Já o consumo mais elevado de gás natural foi registado no passado dia 5, de 299,1 GWh, ultrapassando o anterior recorde 269,9 GWh de 5 de dezembro de 2017.

Ainda no dia 5, às 20:00, registou-se o pico de consumo mais elevado de sempre, com 14.874 MW de consumo, quando o anterior máximo era de 13539 MW registado em 7 de janeiro de 2020.

Ainda no gás natural, os dados mostram novos máximos históricos registados no dia 5 quanto à emissão diária do terminal de GNL de Sines para a rede e no dia 8 na exportação para Espanha, através da interligação de Campo Maior.

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS