Criança escreve carta à Polícia a relatar abusos sexuais cometidos pelo padrasto

Uma menina de 9 anos escreveu uma carta a relatar abusos sexuais cometidos pelo padrasto. A carta foi encontrada depois de a criança ter fugido de casa, por recear novos ataques durante a ausência da mãe, que iria viajar.

Criança escreve carta à Polícia a relatar abusos sexuais cometidos pelo padrasto

Uma menina de 9 anos escreveu uma carta a relatar abusos sexuais cometidos pelo padrasto. A carta foi encontrada depois de a criança ter fugido de casa, por recear novos ataques durante a ausência da mãe, que iria viajar.

De acordo com a Polícia, a criança afirmou, em depoimento, que os abusos teriam ocorrido várias vezes, desde 2015 até hoje. O professor da menina, reparando no estado agitado da aluna, contactou a Polícia depois de ter encontrado a carta na mochila da criança.

O que dizia a carta da criança de 9 anos

“Polícia, por favor, venha até a minha casa. É muito importante porque o meu tio, quando minha mãe foi viajar, fez-me uma coisa à noite. Há alguns dias, depois de a minha mãe ter saído para ajudar uma mulher a fazer um bolo, ele aproveitou para me trancar no quarto, tirou-me as cuecas e […]. E hoje estou a enviar esta carta para o senhor porque não aguento mais.”

Criança escreve carta à Polícia
“Aproveitou para me trancar no quarto, tirou-me as cuecas e […].”
A proteção de menores foi acionada para acompanhar a criança, pois a mãe continuava ausente, em viagem. O padrasto continua a ser procurado pelas autoridades.

Impala Instagram

Mais

RELACIONADOS