Ex-polícia de 60 anos detido preventivamente por atacar menores em parque público

Em fevereiro passado, o homem terá atacado a última vítima e não conseguiu concluir a violação porque foi interrompido pela presença de outras pessoas.

Ex-polícia de 60 anos detido preventivamente por atacar menores em parque público

Ex-polícia de 60 anos detido preventivamente por atacar menores em parque público

Em fevereiro passado, o homem terá atacado a última vítima e não conseguiu concluir a violação porque foi interrompido pela presença de outras pessoas.

Um ex-polícia, da PSP, de 60 anos, foi detido pela Polícia Judiciária por ter molestado sexualmente quatro menores e uma jovem mulher.

Os crimes aconteceram junto de um parque público, nos Olivais, em Lisboa. O homem já tinha sido reformado compulsivamente após condenação por violência doméstica.

Os crimes começaram durante o ano passado e mantiveram-se até o início de 2020. Começou com pequenas importunações a jovens estudantes. Abordou uma criança, de 12 anos, que obrigou a masturbá-lo.

“Os factos que determinaram a detenção consubstanciam crimes de importunação sexual, coação sexual, abuso sexual de crianças e violação, na forma tentada, ocorridos durante o ano de 2019 e o início deste ano”, refere a PJ, citada pelo JN.

Em fevereiro passado, o homem terá atacado a última vítima e não conseguiu concluir a violação porque foi interrompido pela presença de outras pessoas.

LEIA MAIS Bolsonaro diz que vacina contra covid-19 será gratuita mas não obrigatória

 

Impala Instagram


RELACIONADOS