Estado de emergência pode regressar aos concelhos mais atingidos

O primeiro-ministro anunciou que já solicitou ao Presidente da República uma audiência para eventual declaração do estado de emergência nos concelhos com maior taxa de contágios.

Estado de emergência pode regressar aos concelhos mais atingidos

Estado de emergência pode regressar aos concelhos mais atingidos

O primeiro-ministro anunciou que já solicitou ao Presidente da República uma audiência para eventual declaração do estado de emergência nos concelhos com maior taxa de contágios.

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou que já solicitou ao Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, uma audiência para eventual declaração do estado de emergência nos concelhos com maior taxa de contágios com o novo coronavírus.

Estado de emergência pode regressar aos concelhos com mais de 240 infetados por 100 mil habitantes

“Já solicitei ao senhor Presidente da República uma audiência, tendo em vista transmitir-lhe o que o Conselho de Ministros entendeu sobre a eventual declaração do estado de emergência aplicável ao conjunto dos concelhos que venham a ser abrangidos caso cumpram o critério de terem mais de 240 infetados por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias”, declarou António Costa.

Dever de recolhimento vai abranger 70% da população

Em conferencia de imprensa, no final do Conselho de Ministros extraordinário de ontem, o líder do executivo afirmou que o dever de recolhimento domiciliário, e as restrições no funcionamento de estabelecimentos comerciais, entre outras, vão abranger “121 concelhos do país e cerca de 70 por cento da população” residente em território nacional.

LEIA AGORA
Covid-19: Maioria dos cemitérios abertos mas com restrições e proibições

Impala Instagram


RELACIONADOS