Dois sismos de 5,0 e 5,1 na escala Richter registados a norte-nordeste do Corvo

Dois sismos de magnitude 5,0 e 5,1 na escala de Richter foram registados na segunda-feira à noite a mais de 480 quilómetros a norte-nordeste da ilha açoriano do Corvo, sem indicação que tenham sido sentidos, segundo o IPMA.

Dois sismos de 5,0 e 5,1 na escala Richter registados a norte-nordeste do Corvo

Dois sismos de 5,0 e 5,1 na escala Richter registados a norte-nordeste do Corvo

Dois sismos de magnitude 5,0 e 5,1 na escala de Richter foram registados na segunda-feira à noite a mais de 480 quilómetros a norte-nordeste da ilha açoriano do Corvo, sem indicação que tenham sido sentidos, segundo o IPMA.

O primeiro sismo, de magnitude 5,0 na escala de Richter, foi registado nas estações da Rede Sísmica Nacional às 20:59 (21:59 hora de Lisboa) e teve epicentro a cerca de 490 quilómetros a norte-nordeste do Corvo, no grupo ocidental dos Açores. O segundo sismo, de magnitude 5,1, foi registado às 21:23 (22:23 hora de Lisboa) e teve epicentro a cerca de 480 quilómetros a norte-nordeste da ilha do Corvo. O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) refere não ter recebido informação de que os sismos tenham sido sentidos.

Para ler também
Faro, Portalegre e Santarém em perigo máximo de incêndio
Os concelhos de Tomar, Vila Nova da Barquinha, Abrantes, Sardoal (Santarém), Gavião (Portalegre), Loulé, São Brás de Alportel e Tavira (Faro) apresentam hoje perigo máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (… continue a ler aqui)

Os sismos são classificados segundo a sua magnitude como micro (menos de 2,0), muito pequeno (2,0-2,9), pequeno (3,0-3,9), ligeiro (4,0-4,9), moderado (5,0-5,9), forte (6,0-6,9), grande (7,0-7,9), importante (8,0-8,9), excecional (9,0-9,9) e extremo (superior a 10).

Impala Instagram


RELACIONADOS