Confinamento com adolescentes? Há uma forma de tornar tudo mais fácil

A antropóloga Fabiana Gomes e a curadora e formadora de mindfulness Georgiana Lecléry ajudam pais e filhos nos tempos de confinamento a lidarem melhor uns com os outros.

Confinamento com adolescentes? Há uma forma de tornar tudo mais fácil

A antropóloga Fabiana Gomes e a curadora e formadora de mindfulness Georgiana Lecléry ajudam pais e filhos nos tempos de confinamento a lidarem melhor uns com os outros.

Todos sabemos como o confinamento pode dificultar a convivência, principalmente com a constante e exigente presença de crianças. Pela segunda vez, desde que a pandemia entrou nas nossas vidas, há já perto de um ano, passamos pelo mesmo: atingimos o ponto em que a impulsividade pode toldar a forma como nos tratamos. Mais do que nunca, precisamos de ajuda. E é essa a proposta da antropóloga Fabiana Gomes e da curadora e formadora de mindfulness Georgiana Lecléry, no curso online organizado pelo centro Upaya, de Lisboa.

O que é mindfulness e como pode ser-nos útil neste confinamento

Fabiana Gomes
Fabiana Gomes, formada em Comunicação Social com pós-graduação em Antropologia

Mindfulness é um termo em inglês que significa “capacidade de estar atento, de colocar a atenção plena no que acontece aqui, agora”, começa por explicar-nos Fabiana Gomes. Aplica-se nos relacionamentos, de acordo com a antropóloga, “ao falarmos” e até “ao movermo-nos”.

“Quando aprendemos a pausar e a sentir as nossas emoções e sensações, conseguimos tomar decisões e responder de forma mais hábil, sem cair na impulsividade, o que acontece principalmente nos conflitos, quando pensamos de forma diferente uns dos outros”, acrescenta Georgiana Lecléry.

Aprender a ouvir e a comunicar de forma não-violenta

Georgiana Lecléry
Georgiana Lecléry, mãe de duas adolescentes, curadora e formadora em mindfulness

“Aprender a praticar a atenção plena e a ouvir e expressar-se a partir do que ensina a comunicação não-violenta ajuda-nos a aprender a ouvir os sentimentos e as necessidades dos outros e de nós mesmos”, acentua Fabiana Gomes, sobre um dos pontos-chave deste Laboratório de Comunicação e Mindfulness para Pais e Filhos, que pode conhecer melhor aqui. “Estas duas habilidades juntas podem ser muito transformadoras na vida de pais e filhos”, prossegue.

No curso são propostas “dinâmicas para que pais e filhos possam aprender a ouvir-se e a expressar-se de forma genuína, livre de julgamentos e empática”, finaliza Georgiana.

Impala Instagram


RELACIONADOS