Meghan Markle deixa indireta: «Às vezes é necessário arriscar»

Meghan Markle deu uma entrevista que está a levantar polémicas e tudo por causa de algumas declarações que parecem ser indiretas à Casa Real.

Meghan Markle deixa indireta: «Às vezes é necessário arriscar»

Meghan Markle deixa indireta: «Às vezes é necessário arriscar»

Meghan Markle deu uma entrevista que está a levantar polémicas e tudo por causa de algumas declarações que parecem ser indiretas à Casa Real.

Meghan Markle está outra vez no centro das atenções depois da entrevista que deu à revista Fortune e onde acabou por fazer algumas declarações que podem justificar a sua «saída» da Casa Real.

Em entrevista a Emma Hinchliffe, dada a partir da casa dos Sussex em Santa Bárbara, a mulher do príncipe Harry começou por dizer que é preciso ser-se «corajoso, mesmo que, por vezes, tomar a melhor decisão para ti e para a tua família possa não ser a mais popular». Esta declaração pode ser uma «indireta» para todos aquelas que condenaram o facto de Meghan e Harry terem decidido, em janeiro deste ano, deixar os deveres reais e mudar-se em definitivo para os Estados Unidos, onde vivem atualmente.

«Quando realmente sabes quem és, quais são os teus valores, e vives de acordo com a verdade, acredito que podes perder o medo. A minha fé é maior que o meu medo. Se vives da verdade, sem te importar o que dizem, deitas-te sempre de consciência tranquila. A maioria das pessoas tem medo do desconhecido, mas às vezes é necessário arriscar», continuou, justificando as escolhas que fez mais recentemente.

Meghan Markle deixa crítica ao protocolo real

Meghan Markle fez questão de reforçar que sente necessidade de dar voz a certas causas uma vez que tem visibilidade pública e tem mais facilidade em fazer-se ouvir.

«Acredito que há uma oportunidade incrível para que todos reconheçam que a sua voz é importante e acredito que quando tens a possibilidade de o fazer é quando mais te dás conta do necessário que isso é. Independentemente da minha experiência nos últimos anos em comparação com a experiência de qualquer outra pessoa, não podes dar por garantida a capacidade que tens como mulher para ser ouvida e agora, com as redes sociais, fazer com que essa voz seja ouvida por um público maior é uma grande responsabilidade. É um privilégio, mas também uma responsabilidade», disse, levantando algumas críticas, uma vez que os britânicos entenderam estas declarações como um ataque à Casa Real que, segundo o protocolo,  defende que os membros da realeza devem ser imparciais e não comentar alguns temas.

Texto: Mafalda Mourão, Foto: D.R.

leia mais

Meteorologia: Previsão do tempo para sábado, 17 de outubro

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS