Sara Barradas dá grito de revolta sobre caso de violência doméstica: “”M**** de polícia”

Sara Barradas revoltou-se com caso de violência doméstica em Lisboa. Mas não foi a única. A atriz Mariana Monteiro também ficou indignada: “Quantas mais vítimas são precisas para isto mudar?”

Sara Barradas dá grito de revolta sobre caso de violência doméstica:

Sara Barradas dá grito de revolta sobre caso de violência doméstica: “”M**** de polícia”

Sara Barradas revoltou-se com caso de violência doméstica em Lisboa. Mas não foi a única. A atriz Mariana Monteiro também ficou indignada: “Quantas mais vítimas são precisas para isto mudar?”

Depois de a atriz Teresa Coutinho ter denunciado este fim de semana um caso de violência doméstica ao qual assistiu na sua rua, Sara Barradas e Mariana Monteiro foram duas das figuras públicas a mostrarem-se revoltas com a alegada passividade das autoridades.

“Um caso de violência doméstica na minha rua, às 22h de hoje, num rés-do-chão. Uma senhora de 60 anos a ser espancada pelo marido com uma cadeira. Ouvimos os gritos, saímos, chamámos a polícia. Um vizinho entrou pela janela, por ter forçado a nesga da persiana que estava aberta”, começou por relatar Teresa Coutinho. “As sete pessoas que se juntaram a essa janela impediram que este horror continuasse, várias de nós chamámos a polícia e o INEM. Uma hora. Ambos demoraram 1 hora a chegar. A senhora seguiu para o hospital sozinha”, lamentou.

Sara Barradas: “É tão revoltante!”

Veja a notícia completa aqui

Notícia www.novagente.pt

Impala Instagram


RELACIONADOS