O discurso de Meghan Markle no primeiro ato oficial pós-Megxit

Meghan Markle estreia-se no primeiro ato oficial pós-Megxit e arrasa com discurso poderoso para todas as mulheres.

O discurso de Meghan Markle no primeiro ato oficial pós-Megxit

O discurso de Meghan Markle no primeiro ato oficial pós-Megxit

Meghan Markle estreia-se no primeiro ato oficial pós-Megxit e arrasa com discurso poderoso para todas as mulheres.

Meghan Markle já cumpriu o seu primeiro ato oficial depois do Megxit. A duquesa de Sussex participou numa vídeoconferência  para falar sobre o feminismo e o empoderamento da mulher, uma palestra que faz parte do evento Girl Up.

O feminismo e os direitos das mulheres sempre foram temas importantes para Meghan e, por essa razão, foi convidada a intervir e discursar esta terça-feira, 14 de julho, numa das sessões, onde milhares de pessoas esperavam ansiosas por ouvir a mãe de Archie, de um ano.

Num discurso de cerca de dez minutos, Meghan Markle fez questão de reforçar que todas as meninas e mulheres devem ter as mesmas oportunidades, independentemente do lugar de onde vêm e destacou a importância de as mulheres «se fortalecerem e apoiarem umas às outras». «Haverá sempre ‘vozes negativas’ que podem parecer fortes, mas podemos usar as nossas vozes para abafar o barulho. Porque são apenas barulho. As nossas vozes são reais. Podem e devem ser muito mais fortes», disse.

«Estarei a torcer por vocês, tal como o meu marido e o Archie»

Feminista assumida e ativa, a mulher do príncipe Harry afirmou ainda que todas as mulheres devem «trabalhar pela igualdade todos os dias, mesmo quando é difícil e isso implica deixar os outros desconfortáveis».

«Não subestimem as vossas capacidades de superar o medo. Vocês têm a capacidade de criar um mundo que vocês sabem que é justo. Os vossos instintos dirão o que é certo e o que é errado, o que é justo e injusto. A parte mais difícil, e assim foi para mim, é seguir as vossas convicções com determinação, mas eu estarei a torcer por vocês, tal como o meu marido e o Archie, enquanto vocês continuam a avançar, a defender e a liderar o caminho a seguir», terminou.

Além de Meghan Markle, também Michelle Obama e Hillary Clinton participaram na conferência da Girl Up – movimento criado pela ONU em 2010 – e fizeram questão de enfatizar os direitos humanos e das mulheres.

O novo visual descontraído de Meghan

Meghan Markle apareceu na vídeoconferência com um visual muito diferente e muito mais descontraído do que aquele que usava quando era membro sénior da Casa Real. De cabelos muito compridos e de ombros descobertos, a duquesa de Sussex assinala também com a sua nova aparência o início de um novo ciclo, longe dos deveres reais e dos olhares atentos dos fãs da família real britânica.

Recorde-se que Meghan Markle e o príncipe Harry anunciaram no dia 8 de janeiro que pretendiam deixar os deveres reais, mas só deram «um passo atrás» de forma oficial no dia 31 de março. Os duques de Sussex mudaram-se para o Canadá durante uns tempos, mas atualmente estão a viver em Los Angeles, Estados Unidos, a terra natal da ex.atriz.

Texto: Mafalda Mourão; Foto: Reuters e D.R.

 

Impala Instagram


RELACIONADOS