Leonor Poeiras revela que teve de “vender tudo” após ser afastada da TVI

Leonor Poeiras ficou ‘sem chão’ quando saiu da TVI, há mais de dois anos. A apresentadora voltou a falar no assunto e contou novos detalhes sobre o seu despedimento da estação de Queluz de Baixo.

Leonor Poeiras revela que teve de “vender tudo” após ser afastada da TVI

Leonor Poeiras ficou ‘sem chão’ quando saiu da TVI, há mais de dois anos. A apresentadora voltou a falar no assunto e contou novos detalhes sobre o seu despedimento da estação de Queluz de Baixo.

Leonor Poeiras passou uns dias no Alentejo e acabou por fazer um desabafo nas redes sociais sobre o seu afastamento da TVI. A apresentadora tinha comprado um monte nesta região do país e, por ter ficado sem emprego, foi obrigada a vender tudo. “Pela primeira vez, voltei ao Alentejo profundo, depois de uma longa distância. Há dois anos e tal, quando fui despedida, lutei para continuar com o meu projecto agrícola e com a construção do monte, que ia a meio. Fui atrás de projectos na minha área, e com gentileza lá me iam dizendo que não era o momento certo. Infelizmente, não consegui salvar nada e tive de vender tudo”, começou por escrever.

Leonor Poeiras continuou: “Nunca fui capaz de voltar, até agora. Às vezes perguntam-me onde arranjei coragem para processar a TVI, um grupo de comunicação tão grande e eu tão pequenina… mas, quando já não tens nada a perder (nem o teu emprego), são os teus verdadeiros valores que te empurram. A tristeza, o vazio, a ansiedade e o medo fazem parte da vida. Mas também a verdade e a justiça. Segue sempre em frente, mesmo não sabendo o que aí vem”. A apresentadora referiu ainda a importância da fotografia que partilhou: “Na imagem, o incrível por do sol e açude, que eu acreditei que ia contemplar até ser velhinha – 2015, Vila Nova da Baronia, Beja, Portugal”.

 

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Leonor Poeiras (@leopoeiras)

Leonor Poeiras fez novas revelações sobre relação com a TVI

No dia 11 de julho, no Tribunal de Cascais, decorreu mais uma sessão do processo instaurado por Leonor Poeiras contra a TVI. Nesta audiência, em que foi questionada pelos advogados de ambas as partes, a apresentadora falou dos motivos pelos quais era exclusiva do canal, embora não tivesse assinado nenhum contrato nesse sentido. Um dos exemplos que deu remonta a 2013, altura em que foi convidada para ir ao Vale Tudo, na SIC. Na altura, Leonor Poeiras não pediu autorização e acabou por sofrer as consequências do seu ato. É que foi-lhe dito que não podia fazer as coisas da forma que fez e acabou por passar algum tempo sem trabalhar. “Fui castigada”, assumiu a ex-profissional do canal de Queluz de Baixo, tanto que, posteriormente, foi convidada para ir ao “5 Para a Meia-Noite”, da RTP, e já pediu autorização.

Texto: Patrícia Correia Branco;
Fotos: Reprodução redes sociais

Impala Instagram


RELACIONADOS