Iva Lamarão lança farpas a colega do “Fama Show”

Iva Lamarão deixou farpas a Jani Gabriel na rubrica “Cara Podre”, da RFM. A apresentadora da SIC confessou não gostar de um pormenor na colega do “Fama Show”

Iva Lamarão lança farpas a colega do

Iva Lamarão lança farpas a colega do “Fama Show”

Iva Lamarão deixou farpas a Jani Gabriel na rubrica “Cara Podre”, da RFM. A apresentadora da SIC confessou não gostar de um pormenor na colega do “Fama Show”

Iva Lamarão fez confidências sobre Jani Gabriel, outra das apresentadoras do programa “Fama Show”, da SIC, durante uma entrevista para a rubrica “Cara Podre” da RFM, na passada terça-feira, dia 15 de dezembro.

Enquanto conversava com os radialistas, Joana Cruz e Daniel Fontoura, a apresentadora da SIC foi submetida a uma série de perguntas. Quando questionada “com qual das colegas do ‘Fama Show’ é que não partilharias casa?”, Iva afirmou: “Acho que não partilhava casa com a Jani!”.

Rapidamente a comunicadora, de 37 anos, apressou-se para explicar o porquê de não querer ser viver sob o mesmo teto que a colega. “Jani, perdoa-me, sabes que eles estão aqui a fazer uma pressão. É que às vezes a Jani complica um bocado as coisas.”. E continuou: “A Jani é muito complicada. E eu sou descomplicada, apesar de não parecer”, esclareceu.

«Trump foi realmente simpático»

Em 2002, a apresentadora do “Fama Show” foi coroada Miss Portugal e marcou presença no concurso Miss Universo. “Nunca tinha viajado, nunca tinha andado de avião“, começou por contar.

A seguir, Iva recordou como tudo aconteceu. “Foi em Porto Rico, num dos ensaios do concurso. Mesmo nos ensaios, as minhas colegas andavam sempre muito produzidas, mas eu andava sempre super descontraída! Deram-me a oportunidade comprar roupa antes de ir para lá e eu comprei tudo o que é simples… calças de linho super simples, sandálias rasas, umas t-shirts”, revelou.

Tal como escreve a Nova Gente, a apresentadora lembra que foi com essa indumentária que foi conhecer “Donald Trump, enquanto elas estavam todas montadíssimas. Uma das tutoras disse-me para eu ir mudar de roupa, porque não estava adequada para o encontro“, disse, lembrando que “sabia que ia conhecer alguém importante. Naquela altura, já tinha ouvido falar desse senhor, mas éramos muito jovens. Eu sabia que ele era um homem de negócios, um homem importante de Nova Iorque, mas não tinha o impacto que tem hoje, mas tive de me ir mudar, de me ir arranjar”.

Iva Lamarão recorda ainda a primeira impressão que teve de Donald Trump, naquele encontro em Porto Rico. “Na verdade, ele hoje é odiado por muita gente e eu também não sou a favor das políticas dele e das coisas que diz, mas a ideia com que fiquei dele lá é que era uma pessoa simpática. Ele foi realmente simpático”, concluiu.

Texto: Carolina Sousa e Patrícia Correia Branco ; Fotos: Redes Sociais

LEIA MAIS
Professor da “Máquina da Verdade” arrasa Fátima Lopes e TVI

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS