Bárbara Bandeira denuncia assédio sexual na indústria da música

Bárbara Bandeira fala do assédio sexual na indústria da música.

Bárbara Bandeira denuncia assédio sexual na indústria da música

Bárbara Bandeira denuncia assédio sexual na indústria da música

Bárbara Bandeira fala do assédio sexual na indústria da música.

Bárbara Bandeira abordou um assunto sensível, em entrevista à rádio Mega Hits: o assédio sexual. A cantora admite já foi vítima e lamenta que estas situações «bastante desagradáveis» continuem a acontecer.

A filha de Rui Bandeira, de 19 anos, destaca o facto de na «indústria» da música existirem «muitos homens» que «querem fazer de parvas» as jovens mulheres. «E estou a dizer homens porque nunca me aconteceu com mulheres», afirma.

«Não é por eu ser miúda e ser mulher que um agente me pode apalpar, mandar piropos. Mas seja a mim, a uma bailarina ou até a uma fã», continua.

«Já me aconteceram situações deste género»

Para terminar o assunto, a artista dá um exemplo de uma situação com a qual já teve de lidar. «Já me aconteceram situações deste género: chego ao pé de um rapper ou de um cantor e digo-lhe que gostava muito que entrasse numa música minha. E a resposta dele é: ‘Está bem, queres vir ter comigo ao Algarve hoje?”», conta.

Texto: Ivan Silva; Fotos: reprodução Instagram

 

Impala Instagram


RELACIONADOS