Ryan Giggs detido por violência doméstica

Ryan Giggs, o selecionador do País de Gales, foi detido por alegadamente ter agredido a namorada. A polícia foi chamada a casa do ex-jogador de futebol na noite de domingo. Giggs desmente acusações

Ryan Giggs detido por violência doméstica

Ryan Giggs detido por violência doméstica

Ryan Giggs, o selecionador do País de Gales, foi detido por alegadamente ter agredido a namorada. A polícia foi chamada a casa do ex-jogador de futebol na noite de domingo. Giggs desmente acusações

A lenda do futebol Ryan Giggs, atual selecionador do País de Gales, foi detido na noite de domingo, 1 de outubro, devido a uma queixa de violência doméstica por parte da namorada, Kate Greville. O antigo jogador do Manchester United, que foi libertado depois do pagamento de uma fiança, já negou todas as acusações.

Segundo a BBC, a polícia de Manchester revelou, em comunicado, que foi chamada por volta das 22h de domingo, a uma residência em Worsley, Salford, por queixas de distúrbios. “A polícia foi chamada às 22h05 de domingo após relatos de distúrbios. Uma mulher na casa dos 30 anos sofreu ferimentos ligeiros e não precisou de tratamento hospitalar. Um homem de 46 anos foi detido por suspeita de agressão”, pode ler-se.

A polícia revelou ainda que o homem foi libertado sob fiança enquanto aguarda agora pela investigação. O selecionador do País de Gales saiu da esquadra de Pendleton horas depois do interrogatório e foi levado num Mercedes preto. Ryan Giggs já negou todas as acusações e os seus representantes garantem que o ex-jogador está a “cooperar com as autoridades”.

Ryan Giggs manteve caso extra-conjugal com a mulher do irmão durante anos

Entretanto, a Federação do País de Gales cancelou uma conferência de imprensa que estava agendada para esta terça-feira, 3 de outubro, onde Giggs iria revelar a convocatória para os próximos compromissos internacionais e confirmou que tem conhecimento de um “alegado incidente que envolve o selecionador nacional”.

Esta não é a primeira vez que Ryan Giggs se vê envolvido num escândalo do foro íntimo. O técnico manteve durante oito anos uma relação extra-conjugal com a mulher do irmão. O escândalo rebentou em 2017, aquando do divórcio da mãe dos seus dois filhos, com quem esteve casado 10 anos. A família cortou relações com o antigo jogador. E em 2018, quando Giggs assumiu o comando da seleção nacional, o pai, Danny Wilson (antigo jogador internacional de râguebi) disse sentir “vergonha” do filho e que nem conseguia “proferir o seu nome”.

Texto: Inês Neves; Fotos: Instagram FA Wales (página oficial da seleção do País de Gales)

LEIA MAIS

Meteorologia: Previsão do tempo para quarta-feira, 4 de novembro

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS