Princesa Diana – Cartas trocadas com amante podem ser vendidas por mais de 900 mil euros

Diana Spencer e James Hewitt mantiveram um caso enquanto a soberana ainda era casada com Carlos III.

Princesa Diana - Cartas trocadas com amante podem ser vendidas por mais de 900 mil euros

A princesa Diana foi protagonista de um dos casos de traição mais controversos da realeza tendo se envolvido com James Hewitt – ex-militar britânico – enquanto ainda era casada com Carlos III. A relação extraconjugal durou cinco anos, de 1986 a 1991 e, agora, as cartas que ambos trocaram podem ser vendidas e tornadas públicas.

Existem 64 cartas trocadas entre a soberana e o oficial, estas contam com a caligrafia própria de Diana e a correspondência está avaliada em mais de 544 mil euros pela leiloeira britânica Bonhams, que diz ter rejeitado a hipótese de as vender.

Por sua vez, está a ser procurado um comprador nos Estados Unidos através da leiloeira Heritage. Porém, as cartas têm detalhes (muito) íntimos sobre a relação, o que tem aumentado o receio de as vender, referiu o ‘The Sun’. De acordo com a mesma publicação, há um colecionador norte-americano que quer comprar as cartas por 917 mil euros. Algumas das cartas chegaram a ser escritas em papel militar e aludem ao período em que Hewitt estava na Guerra do Golfo.

A venda está para acontecer mas um porta-voz de James Hewitt afirmou que a Heritage só foi contactada “para avaliar e autenticar as cartas por razões pessoais e para efeitos de seguro”, segundo o ‘Mirror’, que acrescentou que o oficial não tinha intenção de vender as cartas. Sobre o potencial comprador, uma das hipóteses recai sobre o multimilionário Mark Ginzburg uma vez que, em 2010, comprou um colar que pertenceu a Diana. Outra das especulações é que poderá ser Jim McIngvale, de 73 anos, um colecionador do Texas, Estados Unidos.

Texto: Redação VIP; Fotos: Reuters.

Notícia www.vip.pt

Impala Instagram


RELACIONADOS