Federer barrado em Wimbledon relata discussão com segurança

Roger Federer passou por Wimbledon para beber um chá, mas foi barrado à entrada por não ter consigo o cartão de membro. O insólito aconteceu há cerca de duas semanas. O antigo tenista conta o que aconteceu.

Federer barrado em Wimbledon relata discussão com segurança

Federer barrado em Wimbledon relata discussão com segurança

Roger Federer passou por Wimbledon para beber um chá, mas foi barrado à entrada por não ter consigo o cartão de membro. O insólito aconteceu há cerca de duas semanas. O antigo tenista conta o que aconteceu.

Roger Federer, um dos maiores nomes da história do ténis, conta história hilariante que viveu, há cerca de duas semanas, quando foi barrado em Wimbledon. Ele que é o tenista masculino que mais vezes venceu o Grand Slam britânico, por oito vezes. O atleta preparava-se para ir beber um chá ao All England Club, mas foi impedido de entrar por não ter consigo o cartão de membro. O insólito foi contado pelo próprio, no programa The Daily Show, de Trevor Noah.

Leia depois
Bruce Lee pode ter morrido por beber demasiada… água
Bruce Lee morreu quando tinha 32 anos. Uma nova teoria sugere que a sua morte pode estar relacionada com o consumi excessivo de água (… continue a ler aqui)

“Ganhei este torneio oito vezes, por favor, acredite”

“Foi há duas semanas. (…) Estava de passagem por Londres e tinha duas horas para ‘matar’. Não avisei ninguém que talvez fosse, não tinha a certeza se conseguia ir, pois tinha uma consulta com um médico por causa do meu joelho. (…) Nunca tinha a Wimbledon sem ser na altura do torneio. Dirigi-me ao portão por onde habitualmente os convidados entram”, começou por contar.

“Disse ao meu treinador, que estava comigo: ‘Eu trato disto’. Não consegui (risos). Dirigi-me à entrada e disse: ‘Olá, queria saber como é que posso entrar, onde é a porta?’. E a rapariga: ‘Tem consigo o cartão de membro?’. Quando se ganha Wimbledon ficamos automaticamente como membros, mas não fazia ideia de onde estava o meu cartão. ‘Não tenho o meu cartão, mas sou membro e queria saber por onde posso entrar’. ‘Sim, mas tem de ser membro’, insistiu a rapariga. Vi logo que ia ser difícil», continuou.

“Disse-lhe: ‘Normalmente quando estou aqui é para jogar, é a primeira vez que estou aqui sem ser para o torneio e queria saber por onde posso entrar’. Ela respondeu: ‘Entra-se pelo outro lado, mas tem de ter o cartão de membro’. Eu já estava em pânico e ainda não acredito que disse o que disse, ainda me sinto mal, mas olhei para ela disse: “Ganhei este torneio oito vezes, por favor, acredite: sou membro, onde posso entrar?'”, disse.

“Mas ela não me deixou entrar. Fui por outro lado, saí do carro e uma pessoa pediu-me para tirar uma fotografia. Um segurança também me viu: ‘Senhor Federer, o que faz aqui? Tem o seu cartão de membro?’, perguntou. ‘Não tenho, mas é possível entrar?’, disse eu”, contou. Federer acabou por conseguir entrar no All England Club. “Ainda pensei em ir ter com aquela senhora da segurança pelo lado de dentro e acenar-lhe a dizer que tinha entrado. Mas não o fiz”, brincou.

Fotos: D.R.

Impala Instagram


RELACIONADOS