Daniel Ramos quer Rio Ave imune a «clima de euforia» frente ao Benfica

O treinador Daniel Ramos garante «um Rio Ave tranquilo» e imune ao «clima de euforia» em torno do jogo contra o Benfica, da 33.ª e penúltima jornada da I Liga.

Daniel Ramos quer Rio Ave imune a «clima de euforia» frente ao Benfica

Daniel Ramos quer Rio Ave imune a «clima de euforia» frente ao Benfica

O treinador Daniel Ramos garante «um Rio Ave tranquilo» e imune ao «clima de euforia» em torno do jogo contra o Benfica, da 33.ª e penúltima jornada da I Liga.

O técnico dos vila-condenses mostrou-se consciente de que esta poderá ser uma partida decisiva na luta pelo título, entre FC Porto e Benfica, separados por dois pontos, com vantagem para os lisboetas, mas garantiu um Rio Ave alheado das contas do topo da tabela classificativa. «Sabemos que é um jogo mediático. Mas para nós vale apenas três pontos. Tentaremos estar tranquilos e, mesmo dentro do clima de euforia que existe em torno do jogo, vamos ter uma postura serena», afirmou Daniel Ramos. O treinador do Rio Ave lembrou que a sua equipa «atravessa um ciclo positivo», com quatro jogos consecutivos sem perder [três vitórias e um empate], partilhando a intenção de prolongar essa sequência.

«Estou a passar ao grupo que este é apenas mais um jogo»

«Teremos pela frente uma grande equipa, como é o Benfica, um grande do futebol português, que está na frente do campeonato, num jogo com estádio cheio. É natural que isso nos motive a provar o valor e confiança da nossa equipa», assumiu Daniel Ramos. No último jogo em casa, o Rio Ave travou o FC Porto, impondo um empate por 2-2. E, quando instando a comentar as semelhanças entre Dragões e Benfica, o treinador do Rio Ave vincou que ambos conjuntos «merecem o maior respeito». «Apesar de terem características diferentes na forma de atuar, são equipas parecidas em outros aspetos e dignas de estarem a fazer um grande campeonato, dirigidas por dois bons treinadores. Mas o que estou a passar ao grupo é que este é apenas mais um jogo», assinalou.

Rio Ave «não será diferente por defrontar o Benfica»

Daniel Ramos, prometeu um Rio Ave «que não será diferente por defrontar o Benfica», embora reconhecendo que «houve aspetos trabalhados durante a semana tendo em conta este adversário e as suas fragilidades». «É dentro dessa matriz que temos trabalhado, porque temos a ambição legitima de vencer», acrescentou. A formação da foz do Ave ainda tem a possibilidade de alcançar o Vitória de Guimarães no sexto lugar do campeonato. Com isso, poderia garantir uma vaga nas competições europeias da próxima época, embora possa ficar arredada dessa luta ainda antes do início do duelo contra o Benfica, caso os vimaranenses vençam o Belenenses.

Daniel Ramos a torcer por escorregadela vimaranense

«É um facto que quando jogarmos já sabemos o resultado do Vitoria de Guimarães, mas isso não nos vai tirar a ambição de conseguirmos o melhor resultado neste jogo com o Benfica, porque temos outros objetivos para a nossa época», garantiu Daniel Ramos, que não poderá contar com os lesionados Diego Lopes, Leandrinho e Nélson Monte. O Rio Ave, sétimo classificado, com 42 pontos, recebe no domingo o Benfica, líder do campeonato, com 81, numa partida agendada para as 20h00, que terá arbitragem de Hugo Miguel, da Associação de Futebol de Lisboa.

LEIA MAIS

Sérgio Conceição acredita que o FC Porto ainda pode revalidar o título

Previsão do tempo para domingo, 12 de maio

ALERTA | Benfiquista João Félix falha Mundial de sub-20

Impala Instagram


RELACIONADOS