Atleta do FC Porto suspenso quatro anos por doping

O espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto), vencedor da Volta a Portugal em 2017 e 2018, foi suspenso por quatro anos por “uso de métodos e/ou substâncias proibidas”, segundo a lista atualizada de suspensões da União Ciclista Internacional.

Atleta do FC Porto suspenso quatro anos por doping

Atleta do FC Porto suspenso quatro anos por doping

O espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto), vencedor da Volta a Portugal em 2017 e 2018, foi suspenso por quatro anos por “uso de métodos e/ou substâncias proibidas”, segundo a lista atualizada de suspensões da União Ciclista Internacional.

O ciclista espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto), vencedor da Volta a Portugal em 2017 e 2018, foi suspenso por quatro anos por “uso de métodos e/ou substâncias proibidas“, segundo a lista atualizada de suspensões da União Ciclista Internacional.

Segundo a lista de suspensões atualizada na terça-feira pela UCI, os resultados desportivos de Alarcón são anulados entre 28 de julho de 2015 e 21 de outubro de 2019, pelo que o espanhol ‘perde’ as Voltas a Portugal conquistadas.

O ciclista de 34 anos, que está suspenso até 20 de outubro de 2023, venceu a Volta a Portugal de 2017 diante de Amaro Antunes, campeão da edição especial da prova celebrada no ano passado. No ano seguinte (2018) bateu o também português Jóni Brandão.

LEIA AINDA
Piloto da avioneta que aterrou em praia na Caparica acusado de duplo homicídio
Piloto envolvido no acidente em praia da Caparica estava reformado por invalidez
O presidente da Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) admitiu hoje que o piloto instrutor responsável pela aterragem de emergência que provocou dois mortos na praia da Costa da Caparica estava licenciado para voar, apesar de reformado por invalidez. (… continue a ler aqui)

 

Impala Instagram


RELACIONADOS