Restos mortais de Franco foram exumados do Vale dos Caídos

Os restos mortais do ditador espanhol Francisco Franco saíram da Basílica do Vale dos Caídos depois de terem sido exumados perante familiares e representantes do governo e partiram num helicóptero militar com destino ao cemitério de El Pardo-Mingorrubio.

Restos mortais de Franco foram exumados do Vale dos Caídos

Restos mortais de Franco foram exumados do Vale dos Caídos

Os restos mortais do ditador espanhol Francisco Franco saíram da Basílica do Vale dos Caídos depois de terem sido exumados perante familiares e representantes do governo e partiram num helicóptero militar com destino ao cemitério de El Pardo-Mingorrubio.

O caixão saiu do templo aos ombros dos netos Francis, Jaime e Cristobal e do bisneto Luís Alfonso de Bórbon.

Francisco Franco (1895-1975) foi sepultado no Vale dos Caídos no dia 23 de novembro de 1975, tendo os restos mortais sido trasladados no caixão original, apesar dos danos que apresenta.

O caixão está tapado por um pano de cor castanha no qual está pendurado o escudo pessoal que Franco usava como chefe de Estado além de uma bandeira espanhola e uma coroa de flores com uma fita em que se lê: “A Tua Família”.

No momento em que o caixão foi colocado no carro funerário ouviram-se os gritos “Viva Espanha” e “Viva Franco”.

A ministra da Justiça, Dolores Salgado e membros do Ministério da Presidência permaneceram alguns minutos junto à porta da Basílica e não se aproximaram do carro funerário onde o padre Santiago Cantera benzeu os restos mortais perante os familiares do ditador.

O caixão foi transportado de carro até um dos parques de estacionamento do Vale dos Caídos onde se encontrava o helicóptero das Forças Armadas entretanto levantou voo para trasladar os restos mortais de Franco para o cemitério de Mingorrubio, Madrid.

PSP // FPA

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS