Rede de prostituição desmantelada em Lisboa pelo SEF

Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) desmantelou uma “rede criminosa” de exploração de mulheres estrangeiras para prostituição no centro de Lisboa.

Rede de prostituição desmantelada em Lisboa pelo SEF

Rede de prostituição desmantelada em Lisboa pelo SEF

Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) desmantelou uma “rede criminosa” de exploração de mulheres estrangeiras para prostituição no centro de Lisboa.

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) anunciou hoje que desmantelou uma “rede criminosa” de exploração de mulheres estrangeiras para prostituição no centro de Lisboa. Em comunicado enviado este sábado às redações, o SEF avançou que a investigação decorreu durante um ano e culminou, na quinta-feira. Dois homens foram constituídos arguidos, estando indiciados pela prática dos crimes de lenocínio e auxílio à imigração ilegal.

LEIA DEPOIS
Tornado no Luxemburgo provoca vários estragos, Portugueses com casas destruídas (vídeo)

Prostituição em Lisboa

As mulheres, todas de nacionalidade, eram “controladas pelos arguidos através de um sistema de videovigilância instalado no local”. Os inspetores do SEF, que realizaram buscas no local,  referem em nota que com esta “a operação foi possível terminar com a atividade ilícita que permitia grandes proveitos económicos aos arguidos mediante a exploração de várias dezenas de mulheres ao longo dos últimos anos e restabelecer a paz social na vizinhança”.

LEIA MAIS
Previsão do tempo para Sábado, 10 de agosto
Chama-se respiratorismo e é a polémica dieta da moda

Impala Instagram


RELACIONADOS