Queima feto após aborto e espalha cinzas no quintal de casa

De acordo com a mulher, que estava grávida de 31 semanas, tudo aconteceu no passado sábado.

Queima feto após aborto e espalha cinzas no quintal de casa

Queima feto após aborto e espalha cinzas no quintal de casa

De acordo com a mulher, que estava grávida de 31 semanas, tudo aconteceu no passado sábado.

Uma mulher de 30 anos deu entrada no Hospital Padre Américo, em Penafiel, na passada quarta-feira depois de ter sofrido um aborto espontâneo quando estava em casa. No hospital, a mulher contou que o bebé nasceu morto e que ela o queimou e espalhou as cinzas do feto no quintal da sua residência. Tudo aconteceu na localidade de Carvalhosa, em Paços de Ferreira.

A mulher terá explicado aos médicos o que fez, mas não disse a razão. As autoridades realizaram perícias no local, mas não encontraram quaisquer vestígios de cinzas. De acordo com a mulher, que estava grávida de 31 semanas, tudo aconteceu no passado sábado.

Aos médicos alegou que sofreu um aborto quando estava na casa de banho, no sábado, mas apenas se dirigiu ao hospital pelas 18h00 de quarta-feira porque não sabia se tinha expulsado a placenta, escreve o Correio da Manhã. A mulher vivia com o marido e com as duas filhas, de 13 e 9 anos de idade.

LEIA MAIS

Meteorologia: Previsão do tempo para sexta-feira, 21 de agosto

 

Impala Instagram


RELACIONADOS